Após saneamento, Congresso pode votar marcos do gás e do petróleo

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 30/06/2020 às 11:51

O ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a prometer que a recuperação da economia brasileira surpreenderá após a crise decorrente da pandemia de covid-19. Segundo ele, a aprovação pelo Congresso Nacional de novos marcos regulatórios e reformas econômicas podem impulsionar a atividade e os investimentos na saída da recessão.

"Continuo achando que o Brasil vai surpreender o mundo. Após a votação do novo marco do saneamento, o Congresso pode votar marcos do gás e do petróleo. Continuamos otimistas em destravar as fronteiras de investimento. E sendo realistas, é possível votar reformas e retomar crescimento antes do que os analistas estão prevendo", afirmou, em audiência pública por videoconferência na Comissão Mista do Congresso Nacional que monitora a execução orçamentária e financeira das medidas relacionadas à covid-19.

Segundo Guedes, o ministério tem atuado junto ao setor privado para estabelecer protocolos de saúde e segurança para o retorno ao trabalho.

Ele citou o exemplo do setor da construção civil que continuou produzindo com poucas contaminações. "Quando governadores e prefeitos reabrirem as demais atividades, teremos protocolos bem definidos para a volta segura ao trabalho", completou.

O ministro destacou ainda que a equipe econômica te trabalhado próxima ao Tribunal de Contas da União (TCU) e ao Congresso para fiscalizar se está havendo algum desvio de recursos liberados para Saúde e outras áreas. "Temos o maior interesse de que haja a maior transparência sobre o uso desses recursos. Os governadores e prefeitos são os responsáveis pela execução desse orçamento. O combinado é que estamos combatendo uma pandemia", concluiu.



Relacionados

Economia | 09-07-2020 11:55

Procon diz que multará Enel por prática abusiva ligada a cobrança da conta de luz

Procon diz que multará Enel por prática abusiva ligada a cobrança da conta de luz

Economia | 09-07-2020 11:45

Ipea: consumo aparente de bens industriais no país cresce 3% em maio ante abril

Ipea: consumo aparente de bens industriais no país cresce 3% em maio ante abril

Economia | 09-07-2020 11:40

Após romper os 100 mil pontos, Ibovespa perde força com exterior

Após romper os 100 mil pontos, Ibovespa perde força com exterior

Economia | 09-07-2020 10:39

Pandemia causou impacto em 57% das companhias exportadoras, revela CNI

Pandemia causou impacto em 57% das companhias exportadoras, revela CNI