Arsesp reajustará margens das tarifas da Comgás em 2,55%

Redação Tarobá News
Economia | Publicado em 31/05/2017 às 09:05

As tarifas da Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) serão reajustadas, de acordo com deliberação da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp) publicada no Diário Oficial do Estado.

As margens serão reajustadas em 2,55%, correspondente à aplicação do IGP-M (3,37%) e do Fator X de Eficiência (-0,82%), e o custo do gás será atualizado para os todos os segmentos de consumo (residencial, comercial, industrial e GNV, entre outros).

No segmento residencial, a variação é entre 2,6% a 7,8%. Para os comércios, será de 6,1% a 11,8%. Na indústria, as variações são entre 11,8% e 18,9%, e do Gás Natural Veicular (GNV), aplicado para as postos de combustíveis, será de 6,3%.

"O ajuste determinado pela Arsesp é resultado do alinhamento do custo de gás, que acompanha os aumentos do custo do petróleo, que é a base para os preços do gás natural. Estes reajustes ocorrem depois de duas reduções consecutivas das tarifas da Comgás, ocorridas em maio e outubro de 2016", informou a empresa, em nota enviada à imprensa.

Sobre as reduções, a Comgás lembra que em maio de 2016 foi de mais de 20% para o segmento industrial e em outubro de mais de 10%. "As tarifas atuais para o segmento industrial, mesmo com este reajuste, são 14% menores que as vigentes em maio de 2015 (todas as variações considerando o consumo acima de 1 milhão m3/mês)", alertou a Comgás.



Relacionados

Economia | 05-10-2018 18:55

Ibovespa tem nova correção antes da eleição e cai 0,76%

Ibovespa tem nova correção antes da eleição e cai 0,76%

Economia | 05-10-2018 18:25

Dólar cai para R$ 3,8560 e tem maior queda semanal desde março de 2016

Dólar cai para R$ 3,8560 e tem maior queda semanal desde março de 2016

Economia | 05-10-2018 17:16

Ações da fabricante de armas Taurus subiram mais de 100% em 60 dias

Ações da fabricante de armas Taurus subiram mais de 100% em 60 dias

Economia | 05-10-2018 16:04

Construtora investigada na Lava Jato ganha licitação milionária para pavimentação de rodovia no Paraná

Construtora investigada na Lava Jato ganha licitação milionária para pavimentação de rodovia no Paraná

PUBLICIDADE