Bolsas de NY fecham em baixa, com setor de tecnologia pressionado

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 12/06/2017 às 17:45

Foto: Divulgação

As bolsas de Nova York fecharam em queda nesta segunda-feira, 12, com o setor de tecnologia pressionado pela segunda sessão consecutiva, em meio a dúvidas sobre se as ações do segmento não estariam excessivamente valorizadas.

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,17%, em 21.235,67 pontos, o Nasdaq recuou 0,52%, a 6.175,46 pontos, e o S&P 500 teve baixa de 0,10%, a 2.429,39 pontos.

A fraqueza do setor de tecnologia começou na sexta-feira e se prolongou no início desta semana, após alguns bancos e outros agentes do mercado começarem a questionar se o patamar de valorização dos papéis não seria excessivo, já que um número significativo deles registra ganhos na casa dos dois dígitos neste ano, superando os do mercado em geral.

Hoje, Apple caiu 2,46%, Facebook teve baixa de 0,78%, Alphabet, controladora do Google, recuou 0,86%, Microsoft caiu 0,77% e Netflix perdeu 4,17%. Essas ações, que formam o grupo chamado de "FAANG" por investidores, perderam juntas US$ 125,91 bilhões em valor de mercado nos dois últimos dias.

Os papéis do setor de energia, por outro lado, tiveram uma sessão positiva, em dia de alta do petróleo. A commodity teve recuperação, depois de uma semana fraca.

Investidores estão ainda na expectativa pela decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), na quarta-feira. A aposta praticamente unânime do mercado é que o BC dos EUA decidirá elevar a taxa de juros. Haverá ainda projeções atualizadas e entrevista coletiva da presidente do Fed, Janet Yellen. Fonte: Dow Jones Newswires



Relacionados

Economia | 21-02-2019 15:10

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, com foco em balanços e indicadores

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, com foco em balanços e indicadores

Economia | 21-02-2019 14:05

É normal pressão por Previdência sobre parlamentares, diz líder do governo

É normal pressão por Previdência sobre parlamentares, diz líder do governo

Economia | 21-02-2019 13:40

Deputados petistas criticam proposta de reforma e questionam existência de rombo

Deputados petistas criticam proposta de reforma e questionam existência de rombo

Economia | 21-02-2019 11:50

Energia elétrica sobe 0,38% no IPCA-15 de fevereiro, após 4 meses de recuo

Energia elétrica sobe 0,38% no IPCA-15 de fevereiro, após 4 meses de recuo