China diz não haver evidência de que Huawei ameace segurança nacional

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 13/02/2019 às 09:37

A China afirma que Estados Unidos e outros países ainda não apresentaram qualquer prova conclusiva de que a gigante de equipamentos de telecomunicação chinesa Huawei seja uma ameaça para sua segurança nacional.

Porta-voz do Ministério de Relações Exteriores chinês, Hua Chunying disse nesta quarta-feira que críticos da Huawei fizeram ameaças e abusaram de seu poder para "suprimir os legítimos direitos de desenvolvimento e interesses de empresas chinesas" e estão "utilizando meios políticos para intervir na economia".

Os comentários de Hua vieram em meio a esforços dos Estados Unidos para persuadir outros países a excluir a Huawei de seus mercados devido a questões de segurança nacional.

A Huawei alega ser independente e não representar quaisquer riscos à segurança de outros países.

Nesta semana, autoridades dos EUA e China estão reunidos em Pequim para tentar superar desavenças comerciais que começaram após a Casa Branca acusar Pequim de roubar tecnologia de empresas americanas que operam no país asiático. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Economia | 16-02-2019 08:18

Para Paulo Guedes, momento é de espera

Para Paulo Guedes, momento é de espera

Economia | 16-02-2019 08:05

INSS investe em digitalização e fim de cargos políticos para combater fraude

INSS investe em digitalização e fim de cargos políticos para combater fraude

Economia | 15-02-2019 18:50

Dólar tem novo dia de queda, mas moeda resiste a cair abaixo de R$ 3,70

Dólar tem novo dia de queda, mas moeda resiste a cair abaixo de R$ 3,70

Economia | 15-02-2019 17:05

Juros futuros voltam a fechar em baixa, ainda em reação positiva à Previdência

Juros futuros voltam a fechar em baixa, ainda em reação positiva à Previdência

PUBLICIDADE