Governo abre processo contra Caixa por infrações ao consumidor

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 11/02/2019 às 11:00

O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) instaurou processo administrativo contra a Caixa Econômica Federal por infrações contra o consumidor. A empresa tem dez dias para apresentar defesa. O despacho do DPDC, que é um órgão da Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública, está publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 11.

Sem detalhar as supostas práticas irregulares, o despacho informa que a Caixa é alvo da investigação devido a indícios de infração aos artigos 4º (incisos I e III), 6º (inciso IV) e 42 do Código de Defesa do Consumidor.

Dentre os direitos tratados nesses trechos da lei, há a proteção do usuário contra publicidade enganosa e a garantia de que, quando da cobrança de débitos, o cliente inadimplente não será exposto a ridículo, nem será submetido a qualquer tipo de constrangimento ou ameaça.

Até o fechamento deste texto, a reportagem não havia obtido um posicionamento da instituição citada.



Relacionados

Economia | 22-08-2019 10:25

Bolsonaro não descarta privatizar a Petrobras, mas espera proposta de Guedes

Bolsonaro não descarta privatizar a Petrobras, mas espera proposta de Guedes

Economia | 22-08-2019 09:10

Confiança do consumidor sobe 1,1 ponto em agosto ante julho, aponta FGV

Confiança do consumidor sobe 1,1 ponto em agosto ante julho, aponta FGV

Economia | 21-08-2019 21:10

Bolsonaro retoma plano de erguer grandes hidrelétricas na Amazônia

Bolsonaro retoma plano de erguer grandes hidrelétricas na Amazônia

Economia | 21-08-2019 18:10

Ibovespa sobe 2% com mercado otimista com lista de privatização

Ibovespa sobe 2% com mercado otimista com lista de privatização

PUBLICIDADE