IPC-Fipe sobe 0,03% na 1ª quadrissemana de abril

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 09/04/2020 às 06:42

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,03% na primeira quadrissemana de abril, desacelerando ante o aumento de 0,10% observado no fechamento de março, segundo dados publicados hoje pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Na primeira leitura deste mês, cinco dos sete componentes do IPC-Fipe aprofundaram deflação ou perderam força. Foi o caso de Habitação (de -0,09% em março para -0,15% na primeira quadrissemana de abril), de Transportes (de -0,25% para -0,72%), de Despesas Pessoais (de -0,57% para -0,84%), de Vestuário (de 0,15% para 0,12%) e de Educação (de 0,03% para 0,02%).

Por outro lado, os demais itens aceleraram: Alimentação (de 0,93% para 1,11%) e Saúde (de 0,08% para 0,27%).

Veja abaixo como ficaram os componentes do IPC-Fipe na primeira quadrissemana de abril:

- Habitação: -0,15%

- Alimentação: 1,11%

- Transportes: -0,72%

- Despesas Pessoais: -0,84%

- Saúde: 0,27%

- Vestuário: 0,12%

- Educação: 0,02%

- Índice Geral: 0,03%



Relacionados

Economia | 28-05-2020 11:11

Em meio à crise, juro do rotativo do cartão cai em abril a 313,4% ao ano, diz BC

Em meio à crise, juro do rotativo do cartão cai em abril a 313,4% ao ano, diz BC

Economia | 28-05-2020 11:00

Endividamento das famílias fica em 45,9% em março, diz BC

Endividamento das famílias fica em 45,9% em março, diz BC

Economia | 28-05-2020 10:45

Aneel homologa receitas anuais para novas usinas cotistas Jaguari e Paranoá

Aneel homologa receitas anuais para novas usinas cotistas Jaguari e Paranoá

Economia | 28-05-2020 10:45

Juro médio no crédito livre cai a 31,3% em abril; cheque especial cai a 119,3%

Juro médio no crédito livre cai a 31,3% em abril; cheque especial cai a 119,3%

PUBLICIDADE