Superávit da balança em maio foi de US$ 7,661 bi, melhor dado mensal da série

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 01/06/2017 às 15:30

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 7,661 bilhões em maio. Segundo dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, o resultado representa o maior superávit mensal registrado na série histórica, que teve início em 1989. No acumulado do ano, o superávit alcançou US$ 29,032 bilhões, também o maior para os cinco primeiros meses do ano da série histórica.

O resultado de maio superou a mediana das estimativas coletadas pelo Projeções Broadcast, calculada em US$ 7,500 bilhões. O intervalo das previsões de 27 instituições consultadas ia de US$ 6,080 bilhões a US$ 8,500 bilhões.

Em maio, as exportações somaram US$ 19,792 bilhões, enquanto as importações totalizaram US$ 12,131 bilhões. Na quarta semana de maio (de 22 a 28), a balança registrou superávit de US$ 1,942 bilhão e, na quinta (de 29 a 31), de US$ 873 milhões.



Relacionados

Economia | 22-07-2018 09:47

Onze cooperativas paranaenses estão entre as 50 melhores empresas do agronegócio do país

Onze cooperativas paranaenses estão entre as 50 melhores empresas do agronegócio do país

Economia | 22-07-2018 09:45

França diz que UE não negociará com os EUA se tarifas não forem retiradas

França diz que UE não negociará com os EUA se tarifas não forem retiradas

Economia | 22-07-2018 09:13

Em cinco anos, Sudoeste perdeu mais de R$ 130 milhões em royalties de petróleo

Em cinco anos, Sudoeste perdeu mais de R$ 130 milhões em royalties de petróleo

Economia | 21-07-2018 11:20

Emprego fica estável em junho e fecha primeiro semestre com 392,4 mil novas vagas

Emprego fica estável em junho e fecha primeiro semestre com 392,4 mil novas vagas