Volume de serviços prestados cai 0,1% em 2018, diz IBGE; é o 4º ano de retração

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 14/02/2019 às 10:00

O volume de serviços prestados cresceu 0,2% em dezembro ante novembro na série com ajuste sazonal, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Serviços, informou nesta quinta-feira, 14, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No mês anterior, o resultado foi de uma estabilidade (0,0%).

O resultado ficou dentro das estimativas dos analistas ouvidos pelo Projeções Broadcast, que previam desde uma queda de 0,60% a um avanço de 0,90%, com mediana negativa de 0,10%.

Na comparação com dezembro do ano anterior, houve queda de 0,2% em dezembro de 2018, já descontado o efeito da inflação. Nessa comparação, as previsões iam de recuo de 1,8% a aumento de 0,4%, com mediana negativa de 0,8%.

A taxa acumulada no ano de 2018 pelo volume de serviços prestados foi de recuo de 0,1%. Nesse tipo de comparação, as projeções variavam desde uma queda de 0,4% a uma alta de 0,1%, com mediana negativa de 0,1%.

A queda de 0,1% registrada em 2018 completa uma sequência de quatro anos consecutivos de taxas negativas no segmento. Neste período, o setor de serviços acumulou uma perda de 11,1%.

Em 2017, o volume de serviços prestados encolheu 2,8%; em 2016, caiu 5,0%; em 2015, recuou 3,6%. O último avanço ocorreu em 2014, quando os serviços cresceram 2,5%.

Metodologia

Desde outubro de 2015, o órgão divulga índices de volume no âmbito da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS). Antes disso, o IBGE anunciava apenas os dados da receita bruta nominal, sem tirar a influência dos preços sobre o resultado. Por esse indicador, que continua a ser divulgado, a receita nominal subiu 0,8% em dezembro ante novembro. Na comparação com dezembro de 2017, houve aumento na receita nominal de 3,1%.



Relacionados

Economia | 16-02-2019 08:18

Para Paulo Guedes, momento é de espera

Para Paulo Guedes, momento é de espera

Economia | 16-02-2019 08:05

INSS investe em digitalização e fim de cargos políticos para combater fraude

INSS investe em digitalização e fim de cargos políticos para combater fraude

Economia | 15-02-2019 18:50

Dólar tem novo dia de queda, mas moeda resiste a cair abaixo de R$ 3,70

Dólar tem novo dia de queda, mas moeda resiste a cair abaixo de R$ 3,70

Economia | 15-02-2019 17:05

Juros futuros voltam a fechar em baixa, ainda em reação positiva à Previdência

Juros futuros voltam a fechar em baixa, ainda em reação positiva à Previdência

PUBLICIDADE