UEL retoma atividades administrativas na quinta-feira

Redação Tarobá News
Educação | Publicado em 24/02/2020 às 11:55

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) estará em recesso acadêmico e administrativo entre os dias 24 e 26 de fevereiro, período do Carnaval, retomando as atividades na próxima quinta-feira (27). O recesso está amparado em Ato Executivo, aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) da UEL. Nesse período serão mantidos somente serviços essenciais como Segurança Patrimonial da Prefeitura do Campus Universitário e os plantões do Hospital Universitário (HU) e Hospital Veterinário (HV).

Clínica Odontológica - o Pronto Socorro da Clínica Odontológica Universitária (COU) também suspenderá o atendimento entre os dias 22 e 26 de fevereiro. O setor retoma as atividades na quinta-feira (27), a partir das 7 horas. A suspensão decorre da falta de servidores para suporte no atendimento.

Hemocentro de Londrina - Durante o período do Carnaval, o Hemocentro do Hospital Universitário da UEL atenderá em horário especial. Neste sábado (22), o atendimento para coleta será das 8 às 17h30. Depois disso a unidade estará fechada até terça-feira (25), reabrindo na quarta-feira de Cinzas, das 13 às 18h30, apesar do recesso na UEL. O Hemocentro fica na Rua Cláudio Donizete Cavaliere, 157, anexo ao HU/UEL, na região leste. Informações pelo telefone (43) 3371-2418.



Relacionados

Londrina | 23-03-2020 18:53

Alunos da rede municipal recebem atividades para fazer em casa durante a quarentena

Alunos da rede municipal recebem atividades para fazer em casa durante a quarentena

Cascavel | 20-03-2020 14:29

Mais de 4 mil servidores da educação foram dispensados

Mais de 4 mil servidores da educação foram dispensados

Londrina | 19-03-2020 14:56

Aulas na rede estadual estão suspensas a partir de hoje

Aulas na rede estadual estão suspensas a partir de hoje

Londrina | 17-03-2020 18:16

Merenda será mantida durante paralisação para alunos em situação de vulnerabilidade social

Merenda será mantida durante paralisação para alunos em situação de vulnerabilidade social

PUBLICIDADE