Coreia do Sul lança advertência após teste de míssil da Coreia do Norte

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 08/06/2017 às 20:40

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, afirmou nesta quinta-feira que seu país "não recuará nem mesmo um passo nem fará qualquer compromisso" em relação à segurança nacional. Segundo ele, a Coreia do Norte pode enfrentar mais isolamento e maiores dificuldades econômicas, se insistir com seus testes militares.

A autoridade falou após a Coreia do Norte lançar mísseis em um teste mais cedo na quinta-feira (hora local). Os projéteis foram disparados da cidade costeira de Wonsan, no leste norte-coreano, e teriam percorrido cerca de 200 quilômetros, segundo o comando militar sul-coreano. Os mísseis caíram em águas entre a Península Coreana e o Japão, onde porta-aviões dos EUA participaram de exercícios militares conjuntos com Seul mais cedo nesta semana. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 22-05-2019 14:00

Google armazenou senhas do G Suite em texto simples

Google armazenou senhas do G Suite em texto simples

Mundo | 22-05-2019 10:05

Receberemos sistema de defesa antimíssil da Rússia, diz Turquia

Receberemos sistema de defesa antimíssil da Rússia, diz Turquia

Mundo | 21-05-2019 08:35

EUA usam "poder estatal" para prejudicar empresas estrangeiras, diz China

EUA usam "poder estatal" para prejudicar empresas estrangeiras, diz China

Mundo | 21-05-2019 06:16

Maduro propõe antecipar eleição para Parlamento controlado pela oposição

Maduro propõe antecipar eleição para Parlamento controlado pela oposição

PUBLICIDADE