Covid-19: Casos confirmados no mundo se aproximam da marca de seis milhões

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 30/05/2020 às 13:50

Foto: Pixabay

Os casos de infecção pelo o novo coronavírus se aproximam de seis milhões no mundo inteiro, de acordo com a última atualização do painel com curadoria da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Ao todo são 5,97 milhões de pessoas doentes, com 365.796 mortes e mais de 2,5 milhões de curados. Os EUA continuam com o maior número de casos e mortes, 1,75 milhão e 102.900, respectivamente. O Brasil vem logo na sequência, com 465.166 casos e 27.878 óbitos. A Rússia é o país do continente da Europa com a situação mais crítica em termos de casos confirmados, são 396.575 infectados e 4.555 mortos. O Reino Unido, com 38.243 óbitos e 272.615 casos, tem a mortalidade mais alta no Velho Continente.

A Espanha registrou neste sábado o número mais alto de novas infecções por coronavírus desde o último sábado, 23, com 271 casos. Em quatro dos seis dias desta semana o país havia registrado menos de 200 casos diários, vindo de dois consecutivos com confirmações abaixo do patamar. Ao todo no país são 238.564 casos da doença, com 27.121 óbitos.

Com questionamentos internos e internacionais sobre o número real de mortos, a Rússia divulgou 8.952 casos confirmados e 181 mortos nas últimas 24 horas, elevando o total para 396.575 doentes e 4.555 óbitos. A vice-primeira-ministra, Tatyana Golikova, explicou ontem que o governo está computando apenas mortes confirmadas por coronavírus e está deixando de fora as mortes suspeitas.

Na Itália, foram 416 novos casos confirmados de covid-19 neste sábado, uma diminuição das 516 confirmações ontem. Nos óbitos, foram 111 nas últimas 24 horas, aumento dos 87 de sexta-feira e 70 de quinta-feira. No total, são 232.664 casos confirmados e 33.340 óbitos no país que já foi o epicentro da doença no mundo.

Em Portugal, nas últimas 24 horas, morreram mais 13 pessoas e foram confirmados mais 257 casos de covid-19 (sendo 231 deles na região de Lisboa). Segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) deste sábado, no total, desde que a pandemia começou já são 32.203 infectados, 19.186 recuperados e 1.396 óbitos. Há ainda 514 pessoas hospitalizadas (menos 13 que na sexta-feira), dos quais 63 com cuidados intensivos.



Relacionados

Mundo | 09-07-2020 07:41

Pandemia deve ampliar em 48% mortes por fome

Pandemia deve ampliar em 48% mortes por fome

Mundo | 09-07-2020 07:20

Brasil não tem status especial, diz secretário de Estado dos EUA

Brasil não tem status especial, diz secretário de Estado dos EUA

Mundo | 08-07-2020 20:53

EUA chegam a 3 milhões de casos de covid-19, diz Johns Hopkins

EUA chegam a 3 milhões de casos de covid-19, diz Johns Hopkins

Mundo | 08-07-2020 19:00

Trump e Obrador assinam declaração conjunta de cooperação entre EUA e México

Trump e Obrador assinam declaração conjunta de cooperação entre EUA e México

PUBLICIDADE