Em Sydney, Tillerson pede à China que aja em relação à Coreia do Norte

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 05/06/2017 às 11:20

Foto: BBC

O Secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, pediu hoje a Pequim que pare de reforçar suas operações militares no Mar do Sul da China e que pressione a aliada Coreia do Norte a assumir um papel mais maduro para a estabilidade da região da Ásia e do Pacífico.

Tillerson, que falou durante conversas anuais entre Austrália e EUA, em Sydney, repetiu comentários feitos na semana passada pelo Secretário da Defesa americano, Jim Mattis, uma vez que a Casa Branca depende bastante dos chineses para persuadir a Coreia do Norte a interromper seus programas nuclear e de mísseis balísticos.

Pyongyang já realizou nove testes com mísseis este ano, o último deles em 29 de maio. Fonte: Dow Jones Newswires.



Relacionados

Mundo | 22-09-2018 11:05

Vaticano assina acordo provisório com a China sobre indicação de bispos

Vaticano assina acordo provisório com a China sobre indicação de bispos

Mundo | 22-09-2018 10:10

Ataque a tiros durante desfile militar deixa 24 mortos no Irã

Ataque a tiros durante desfile militar deixa 24 mortos no Irã

Mundo | 22-09-2018 10:10

Secretário britânico pede que UE 'recue da beira do abismo' sobre Brexit

Secretário britânico pede que UE 'recue da beira do abismo' sobre Brexit

Mundo | 21-09-2018 18:07

Álcool matou mais de 3 milhões de pessoas no mundo em 2016, aponta OMS

Álcool matou mais de 3 milhões de pessoas no mundo em 2016, aponta OMS

PUBLICIDADE