EUA: Trump visita Suprema Corte em meio à disputa sobre decreto anti-imigração

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 15/06/2017 às 11:20

foto Juan David Tena

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fará sua primeira visita à Suprema Corte do país em um momento de grande tensão, já que os magistrados estão analisando o que fazer com o bloqueio impostos pelo presidente aos viajantes de seis países, principalmente muçulmanos. A previsão é de que a visita seja às 15 horas (horário de Brasília).

Apesar da tensão, o motivo da visita nesta quinta-feira é para participar da cerimônia de ascensão de Neil Gorsuch à corte. Trump não tem papel no evento, mas os presidentes costumam participar das posses.

Enquanto a disputa sobre o decreto anti-imigração e outros pontos de discórdia complicaram os primeiros meses do governo Trump, a escolha de Gorsuch para à Suprema Corte ganhou elogios generalizados da comunidade jurídica, assim como apoio unânime dos Republicanos no Senado.

Um juiz federal bloqueou pela primeira fez o decreto anti-imigração de Trump no início de fevereiro. O presidente lançou uma versão revisada em março. Desde então, o projeto nunca entrou em vigor após os juízes em Maryland e Havaí colocá-lo em espera. O governo insiste em demandar à Suprema Corte que o bloqueio seja imposto imediatamente.



Relacionados

Mundo | 21-05-2018 12:40

Gina Haspel toma posse como nova diretora da CIA

Gina Haspel toma posse como nova diretora da CIA

Mundo | 21-05-2018 10:45

Brasil e mais 13 países não reconhecem resultado das eleições na Venezuela

Brasil e mais 13 países não reconhecem resultado das eleições na Venezuela

Mundo | 21-05-2018 10:30

Maduro vence eleição em que menos da metade votou; opositor denuncia fraude

Maduro vence eleição em que menos da metade votou; opositor denuncia fraude

Mundo | 21-05-2018 05:35

Presidente italiano convoca 5 Estrelas e Liga para discutir formação de governo

Presidente italiano convoca 5 Estrelas e Liga para discutir formação de governo

PUBLICIDADE