México: Pena Nieto diz que segurança é prioridade de seu governo

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 02/09/2017 às 19:30

O presidente do México, Enrique Pena Nieto, afirmou neste sábado que a segurança é a maior prioridade de seu governo em meio à crescente violência no país. Em seu discurso anual sobre o estado da união, Pena Nieto disse que houve progressos nos projetos de reforma educacional e infraestrutura, mas reconheceu que a onda de violência no país é a pior em muitos anos. "Recuperar a segurança pública é a maior demanda da população e a mais alta prioridade para o governo", afirmou Pena Nieto, acrescentando que "todos os três níveis de governo devem fortalecer seus esforços". "Ainda temos muito o que fazer."

O presidente do México defendeu os esforços contra o crime de seu governo, dizendo que as autoridades "neutralizaram 108 dos 127 criminosos mais perigosos do México". Contudo, nos primeiros seis meses de 2017, autoridades em todo o país registraram 12.155 investigações de homicídios, um aumento de 31% em relação a igual período do ano passado.

Pena Nieto gastou boa parte do último ano respondendo à linha dura do presidente dos EUA, Donald Trump, sobre o México e a migração. "Não aceitaremos nada que vá contra a nossa dignidade como nação", disse o presidente do México. Ele também enviou seus cumprimentos aos filhos de migrantes - principalmente mexicanos - que foram levados para os Estados Unidos quando eram menores de idade e receberam permissão temporária para ficar sob uma ordem executiva da era Obama que Trump pode mudar ou rescindir.

Ele defendeu ainda as reformas liberais que aprovou no seu governo e atacou o candidato que lidera as pesquisas para as eleições presidenciais de junho de 2018: Andrés Manuel López Obrador, que defende posições mais estatistas e nacionalistas, como construir mais refinarias estatais para substituir as importações de gasolina dos EUA. "Há riscos visíveis de retrocesso", disse Pena Nieto. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 06-10-2018 11:55

Governo da Indonésia considera transformar áreas devastadas em valas comuns

Governo da Indonésia considera transformar áreas devastadas em valas comuns

Mundo | 06-10-2018 11:20

Nos EUA, criança de 2 anos põe mais de US$ 1.000 em triturador de papel

Nos EUA, criança de 2 anos põe mais de US$ 1.000 em triturador de papel

Mundo | 05-10-2018 16:25

Chefe da Interpol teria sido levado à China pelo Partido Comunista, diz jornal

Chefe da Interpol teria sido levado à China pelo Partido Comunista, diz jornal

Mundo | 05-10-2018 16:10

Nas Filipinas, porta-voz pede a Duterte que revele seu estado de saúde

Nas Filipinas, porta-voz pede a Duterte que revele seu estado de saúde