Paramilitar indiano afirma que 4 rebeldes morreram em ataque na Caxemira

Redação Tarobá News
Mundo | Publicado em 04/06/2017 às 23:30

Bhavesh Chaudhary, um oficial paramilitar indiano, afirma que soldados mataram quatro militantes que tentaram atacar um campo paramilitar em disputa na Caxemira. Segundo ele, os militantes dispararam armas e granadas enquanto tentavam

entrar em um acampamento no norte da cidade de Sumbal no início desta segunda-feira, 5.

De acordo com Chaudhary, soldados no posto da sentinela interceptaram os militantes antes que estes pudessem entrar no campo. Não houve uma confirmação independente sobre o incidente.

A Caxemira está dividida entre a Índia e o Paquistão e ambos os países reivindicam o seu território. Grupos rebeldes têm lutando desde 1989 pela parte da Caxemira sob controle indiano para que esta parcela se torne independente ou seja anexada ao Paquistão. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 22-07-2018 21:55

Cuba aprova nova Constituição e fará consulta popular entre agosto e novembro

Cuba aprova nova Constituição e fará consulta popular entre agosto e novembro

Mundo | 22-07-2018 20:50

Xi Jinping visita Ruanda em segunda parada de viagem à África

Xi Jinping visita Ruanda em segunda parada de viagem à África

Mundo | 22-07-2018 20:35

Assessor de segurança de Macron é acusado formalmente após má conduta em protesto

Assessor de segurança de Macron é acusado formalmente após má conduta em protesto

Mundo | 22-07-2018 18:50

EUA: aprovação de Trump sobe a 45%, diz pesquisa de Wall Street Journal/NBC News

EUA: aprovação de Trump sobe a 45%, diz pesquisa de Wall Street Journal/NBC News