Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel
Londrina
Cascavel

Rússia contesta que Coreia do Norte tenha lançado míssil intercontinental

06/07/17 às 21:30 - Escrito por Estadão Conteúdo

A Rússia contestou nesta quinta-feira as conclusões segundo as quais a Coreia do Norte disparou um míssil balístico intercontinental nesta semana. A missão russa na Organização das Nações Unidas afirmou em comunicado que, baseando-se nas informações de seu Ministério da Defesa, foi disparado um míssil de médio alcance.

A Rússia já tinha mostrado dúvidas sobre a natureza do míssil em uma reunião do Conselho de Segurança, na quarta-feira. Agora, a posição formal de Moscou surpreende diplomatas e na prática emperra uma tentativa dos EUA de fazer com que o organismo internacional reaja imediatamente às ações norte-coreanas.

Os EUA elaboraram um rascunho de proposta no Conselho de Segurança que, se aprovado, teria condenado em comunicado à imprensa o lançamento de um míssil intercontinental pela Coreia do Norte e diria que o Conselho de Segurança examinaria mais ações, segundo diplomatas. Essas notas precisam ser endossadas por todos os 15 Estados-membros do Conselho de Segurança.

A missão russa argumentou que "não pode concordar com a designação do lançamento em questão como um teste de míssil balístico intercontinental". A Rússia afirmou em comunicado que pediu à missão americana que ajuste o texto. Diplomatas dos EUA disseram que assim não era possível avançar no assunto.

Diplomatas afirmam que, sem conseguir consenso nem sobre um comunicado à imprensa, é difícil que se consiga fechar uma resolução sobre o assunto. O tema deve estar presente nas conversas da cúpula do G-20 em Hamburgo, nesta semana. Fonte: Dow Jones Newswires.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá