Rússia diz que matou o líder do Estado Islâmico em ataque aéreo

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 16/06/2017 às 05:10

As Forças Armadas da Rússia afirmaram nesta sexta-feira que mataram o líder do grupo extremista Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, em um ataque aéreo. De acordo com autoridades russas, al-Baghdadi morreu em um ataque aéreo russo realizado no fim de maio, junto com várias outras lideranças do grupo.

Os militares russos dizem que a ação aérea ocorreu em 28 de maio e tinha como alvo uma reunião do Estado Islâmico ao sul de Raqqa, na Síria. Na ocasião, também foram mortos cerca de 30 líderes de nível intermediário no grupo e mais 300 combatentes extremistas.

As Forças Armadas dizem que os líderes do Estado Islâmico estavam na ocasião reunidos para discutir a retirada do grupo de Raqqa. Uma coalizão liderada pelos Estados Unidos tem realizado uma investida militar para retirar o Estado Islâmico da cidade, um de seus centros de operações. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 21-02-2019 14:45

Maduro fecha fronteira da Venezuela com o Brasil por tempo indefinido

Maduro fecha fronteira da Venezuela com o Brasil por tempo indefinido

Mundo | 21-02-2019 09:05

Juncker diz não estar otimista de que Brexit sem acordo possa ser evitado

Juncker diz não estar otimista de que Brexit sem acordo possa ser evitado

Mundo | 21-02-2019 06:24

Mácron anuncia lei contra ódio na internet

Mácron anuncia lei contra ódio na internet

Mundo | 20-02-2019 12:50

Cão desaparecido em incêndio na Califórnia reencontra família após 101 dias

Cão desaparecido em incêndio na Califórnia reencontra família após 101 dias