Tillerson diz que EUA continuarão a reduzir emissões de gases

Redação Tarobá News
Mundo | Publicado em 02/06/2017 às 13:35

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson, afirmou que, apesar da retirada do país do Acordo do Clima de Paris, os EUA continuarão a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa. Tillerson chamou a decisão do presidente americano, Donald Trump, de "política" e afirmou esperar que as pessoas possam manter a decisão "em perspectiva".

"Eu acho que é importante que todos reconheçam que os EUA têm um ótimo histórico na redução de nossas próprias emissões de gases de efeito estufa. É algo que penso que possamos nos orgulhar e isso foi feito na ausência do Acordo de Paris", disse. "Eu não acho que vamos mudar nossos esforços contínuos para reduzir essas emissões no futuro."

Antes de assumir o Departamento de Estado, Tillerson era presidente da ExxonMobil, que prometeu reduzir as emissões de carbono, mesmo na ausência de um acordo. Na sequência do anúncio de Trump, na quinta-feira, Tillerson não se juntou ao coro de funcionários do governo para comemorar a decisão de sair do pacto. Os comentários do secretário foram feitos a repórteres antes da reunião com o ministro de Relações Exteriores brasileiro, Aloysio Nunes Ferreira. Fonte: Dow Jones Newswires.



Relacionados

Mundo | 16-02-2019 17:15

Líder do Hezbollah critica Trump sobre combate contra Estado Islâmico na Síria

Líder do Hezbollah critica Trump sobre combate contra Estado Islâmico na Síria

Mundo | 16-02-2019 16:45

EUA enviam à Colômbia ajuda humanitária destinada à Venezuela

EUA enviam à Colômbia ajuda humanitária destinada à Venezuela

Mundo | 16-02-2019 15:30

Vaticano expulsa ex-cardeal Theodore McCarrick, acusado de abusos sexuais

Vaticano expulsa ex-cardeal Theodore McCarrick, acusado de abusos sexuais

Mundo | 16-02-2019 13:15

EUA cobram que UE reconheça Guaidó como presidente da Venezuela

EUA cobram que UE reconheça Guaidó como presidente da Venezuela

PUBLICIDADE