Tillerson é criticado por proposta de cortes em diplomacia e ajuda externa

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 13/06/2017 às 19:35

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson, enfrentou nesta terça-feira duras críticas ao tentar defender a proposta do governo do presidente Donald Trump, de cortar o orçamento do país com diplomacia e ajuda ao exterior.

No Senado, Tillerson enfrentou duros questionamentos sobre a proposta de corte de mais de 31% no ano fiscal iniciado em outubro no financiamento para o Departamento de Estado e a Agência para o Desenvolvimento Internacional dos EUA. Na avaliação de vários congressistas, isso representaria uma abdicação da liderança americana. A proposta reduziria o gasto com diplomacia e desenvolvimento no exterior de US$ 54,9 bilhões para US$ 37,6 bilhões.

Tillerson disse também que a relação com a Rússia está em sua mínima histórica e tem piorado. O secretário advertiu, porém, contra a tomada de medidas que possam fechar possibilidades promissoras de diálogo entre os dois países. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 19-08-2018 17:50

Primeiro-ministro do Paquistão promete reduzir gastos do governo e reforma ampla

Primeiro-ministro do Paquistão promete reduzir gastos do governo e reforma ampla

Mundo | 19-08-2018 08:55

Trump volta a negar conluio com Rússia e critica jornal

Trump volta a negar conluio com Rússia e critica jornal

Mundo | 18-08-2018 17:26

Jovem que empurrou amiga de ponte é indiciada e pode ser presa

Jovem que empurrou amiga de ponte é indiciada e pode ser presa

Mundo | 18-08-2018 16:40

Ex-jogador de críquete Imran Khan é empossado como premiê no Paquistão

Ex-jogador de críquete Imran Khan é empossado como premiê no Paquistão

PUBLICIDADE