Trump não usará decreto executivo para impedir depoimento de ex-diretor do FBI

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 05/06/2017 às 15:45

A vice-porta-voz da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders, afirmou nesta segunda-feira que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não usará seu poder de emitir um decreto para impedir um depoimento no Congresso na quinta-feira de James Comey, ex-diretor do FBI. Trump demitiu Comey em 9 de maio, em meio a investigações sobre a suposta interferência da Rússia na campanha presidencial americana do ano passado e dos vínculos entre a campanha republicana e Moscou.

Além disso, Sanders foi também bastante questionada sobre o fato de Trump ter usado sua conta no Twitter hoje para criticar o prefeito de Londres, Sadiq Khan. O presidente disse que Khan deu uma "desculpa patética" ao falar sobre o atentado, por supostamente ter dito que "não há razão para alarme" após o atentado da sexta-feira. O prefeito estava se referindo, porém, ao fato de que não havia motivo para alarme entre a população pela presença mais intensa de policiais nas ruas, não sobre o ataque terrorista.

A porta-voz negou que Trump estivesse atacando o prefeito em um momento delicado ou que tivesse retratado incorretamente a fala de Khan, mas apenas argumentando sobre a necessidade de proteger as fronteiras. Além disso, argumentou que a suposição de que Trump atacou o prefeito por ele ser muçulmano era "ridícula".

Sanders voltou a dizer que Trump espera em breve aval da Justiça para impor a proibição temporária de entrada de pessoas de seis países de maioria muçulmana - o decreto foi suspenso pela Justiça e agora há uma disputa nos tribunais sobre o tema. A porta-voz disse que os países alvos da medida são "perigosos, instáveis, voláteis", incapazes de verificar adequadamente as pessoas que viajam aos EUA. "Há motivo para alarme constante sobre terrorismo pelo mundo", disse a porta-voz.



Relacionados

Mundo | 29-11-2018 10:40

Cultivo de coca no Peru avança na direção do Brasil

Cultivo de coca no Peru avança na direção do Brasil

Mundo | 29-11-2018 10:00

Brexit pode levar Reino Unido a crise pior que de 2008

Brexit pode levar Reino Unido a crise pior que de 2008

Mundo | 29-11-2018 08:35

Theresa May diz que foco é garantir aprovação do acordo do Brexit

Theresa May diz que foco é garantir aprovação do acordo do Brexit

Mundo | 28-11-2018 08:25

Maduro dolariza turismo em destinos na Venezuela

Maduro dolariza turismo em destinos na Venezuela

PUBLICIDADE