Linha 4

Publicidade

Beto Preto define atual momento do Paraná como “dramático” e admite possível compra de vacinas

Redação Tarobá News

Foto: Gilson Abreu/AEN

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, definiu o atual momento de enfrentamento à Covid-19 como “dramático” no Paraná. Em entrevista coletiva, concedida durante o recebimento de mais 146 mil e 800 doses da Coronavac, nesta quarta-feira (3), ele afirmou que a estrutura de atendimento do estado está no limite e apenas com a redução na circulação das pessoas é possível evitar a falta de leitos de enfermaria e UTI.

“Muitas pessoas parecem não estar entendendo ainda, mas temos nesse momento a maior quantidade de leitos Covid desde o início da pandemia. Nós batemos quase 1,4 mil leitos de UTI. Hoje a internação entre leitos SUS e não SUS bate na casa de 3,8 mil pacientes internados no Paraná, é muito grave”, explicou o secretário.

De acordo com Beto Preto, o Governo do Paraná não gosta de impor medidas restritivas, mas elas são necessárias. “A você, que acha que já acabou, que está saindo de casa nesse período, não ache que queremos interromper atividade de ninguém. Nós queremos o Paraná trabalhando, avançando, mas não temos mais equipes, não temos mais equipamentos, nós mais do que dobramos a rede de UTI neste período de pandemia, isso sem hospital de campanha e leitos sem condição de atendimento”, desabafou.

Com informações: BandaB

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade