Linha 4

Publicidade

Bombeiros inauguram Centro de Treinamento

Redação Tarobá News

O Corpo de Bombeiros do Paraná inaugurou, na tarde desta quinta-feira (6), o  Centro de Treinamento de Proteção a Desastres Bombeiro Militar, que leva o nome do cabo Joaquim Gonçalves Filho. O espaço servirá de treinamento para os bombeiros da região oeste, sudoeste e centro-sul do estado. Cascavel é sede do 3º Comando Regional a corporação.

O prefeito Leonaldo Paranhos participou da solenidade e falou sobre a admiração que tem pela corporação. Ele destacou o trabalho realizado em todo o Paraná e disse que "o Corpo de Bombeiros de Cascavel é referência".

De janeiro de 2017 até junho deste ano, o Município de Cascavel liberou R$ 7,2 milhões à corporação, um investimento  205% a mais do que no mesmo período anterior, quando foram liberados R$ 2,3 milhões.

"Isso é protocolar, porque não é dinheiro da prefeitura, esse dinheiro é da corporação. Dinheiro para uma corporação tão importante, como é o Corpo de Bombeiros, não pode estar no cofre, precisa estar nas demandas", declarou o prefeito.

O coronel Samuel Prestes, comandante do Corpo de Bombeiros do Paraná, disse que a inauguração do Centro de Treinamento faz parte do projeto de regionalização das ações da corporação. Segundo ele, com isso será possível capacitar a corporação mantendo os militares na própria região. "Nós vamos ter a possibilidade de manter nosso homem na sua própria região, gerando uma situação mais facilitada", enfatizou.

O Corpo de Bombeiros do Paraná possui três comandos, um localizado em Curitiba, outro em Londrina o terceiro em Cascavel. O coronel Prestes fez questão de enfatizar que o apoio da prefeitura foi muito importante para a construção do centro de treinamento.

Ana Lúcia Ferrez Gonçalves, viúva do cabo Joaquim Gonçalves Filho, estava emocionada com a homenagem ao marido, que morreu em dezembro do ano passado.

"É a coisa mais linda que poderia ter acontecido na nossa família, porque Joaquim se dedicou 100% ao Corpo de Bombeiros. Ele vivia, ele respirava, ele era inteiro Corpo de Bombeiros. Para nós é uma gloria isso, um cabo receber uma homenagem enorme dessas, pelo fato de que ele deixou um legado muito grande. Além de gostar do que fazia, de amar a vida que ele levava como bombeiro, ele respeitava o ser humano, respeitava os amigos, os comandantes, então para nós é muito bonito isso", disse.

COMENTÁRIOS

Publicidade