Família invade Acesf, pega corpo e faz velório por conta própria; viúva diz que foi agredida

Redação Tarobá News
Paraná | Publicado em 11/11/2019 às 19:13

Uma confusão foi registrada durante um velório na Acesf neste sábado (9): familiares de um falecido se revoltaram com o atraso no início da cerimônia, invadiram a parte administrativa da autarquia, pegaram o corpo e iniciaram o velório por conta própria. A viúva afirma que o velório de Paulo Apolônio, de 79 anos, demorou mais de duas horas e que os familiares aguardavam há muito tempo. "Eu fui agredida, estou com o braço arranhado, e agora estão jogando a situação contra mim", afirmou Luciana Apolônio.

Já de acordo com o superintendente da Acesf, Leonilso Jaqueta, a família se exaltou sem motivo. "Nós informamos a eles que a Capela 2 não estava pronta, pois a chuva do dia anterior atrasou o velório da madrugada. Mesmo assim, havia outras capelas disponíveis em outros cemitérios, mas eles insistiram em fazer lá". Com o impasse, familiares de Paulo decidiram pegar o corpo e levá-lo até o local escolhido. "Eles derrubaram um biombo, tiraram véus de outros corpos e agrediram uma funcionária; nós acionamos a Guarda Municipal e a Polícia Militar e registramos um B.O", afirmou Jaqueta.

A viúva também disse que registrou Boletim de Ocorrência e que já acionou um advogado. "Fomos muito desrespeitados, tenho fotos para provar que foi agredida", confirmou Luciana.



Relacionados

Londrina | 04-07-2020 12:24

Prefeito diz que não vê ingerência política na imposição de quarentena; ouça a entrevista

Prefeito diz que não vê ingerência política na imposição de quarentena; ouça a entrevista

Curitiba | 04-07-2020 12:22

Restrições continuam conforme novo decreto do governador

Restrições continuam conforme novo decreto do governador

Londrina | 04-07-2020 12:01

Operação conjunta retira moradores de rua da rodoviária de Londrina

Operação conjunta retira moradores de rua da rodoviária de Londrina

Londrina | 04-07-2020 10:22

Comércio de Londrina e região vai começar a semana de portas fechadas

Comércio de Londrina e região vai começar a semana de portas fechadas