Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

G7 quer que projeto que aumenta ICMS seja retirado de pauta

28/11/22 às 14:52 - Escrito por Redação Tarobá News

O grupo G7, composto por sete lideranças do setor produtivo do Paraná, enviou uma carta ao governador Ratinho Júnior, na última quinta-feira (24), solicitando que o projeto de lei (PL) que prevê aumento da alíquota básica do ICMS seja retirado de pauta em definitivo.


A proposta é de reajuste de 18% para 19%. Conforme a Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap), isso significaria perda de competitividade para o estado, além de prejudicar a população.


"Os produtos vão encarecer quase 6%. O Paraná vai perder competitividade e o nosso produto vai ficar mais caro quando comparado a outros estados. Vai ser o mais alto do país. Não tem ICMS maior que esse de 19%. Vai dificultar muito as coisas para o setor produtivo. A gente pede sempre que o governo trabalhe mais enxuto e estamos vendo o contrário”, disse o presidente da Faciap, Fernando Morais.


Outro projeto amplamente criticado pelo grupo é o aumento da carga tributária do agronegócio. Esse foi retirado de pauta na semana passada.


"O paranaense que elegeu o governador está sendo traído. Fomos pegos de surpresa com tudo isso. Claro que a secretaria alega que teve baixa no ICMS do combustível, da energia, da telefonia e por isso, está tendo um desequilíbrio nos recursos, mas por outro lado precisamos ter também uma economia”, completou Morais.

 

A discussão sobre o pL que trata sobre o ICMS continua na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), nesta terça-feira (29).

© Copyright 2022 Grupo Tarobá