Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Governo apresenta diretrizes para uso de Inteligência Artificial no serviço público

20/06/24 às 17:10 - Escrito por Agência Estadual de Notícias
siga o Tarobá News no Google News!

O governador Carlos Massa Ratinho Junior formalizou nesta quinta-feira (20), no Connect Week, um dos maiores eventos de tecnologia do País, as Diretrizes para Adoção da Inteligência Artificial na Administração Pública Estadual . O documento delineia as iniciativas e ações já empreendidas pelo governo para aproveitar todo o potencial da IA na melhoria dos serviços públicos, na eficiência da gestão e no desenvolvimento socioeconômico do Paraná, e também aponta caminhos para o futuro.


O plano também prevê a expansão estratégica da adoção de IA, o aprofundamento das parcerias com o setor privado, universidades e a disseminação da cultura de inovação em todo o governo. O documento fará parte do anteprojeto que será enviado à Assembleia Legislativa sobre a implementação de soluções de Inteligência Artificial no Estado.


O governador assinou também um memorando de entendimento entre o Governo do Estado e o Google Cloud Brasil, como pontapé inicial para a criação de soluções de IA no serviço público.

Leia mais:

Imagem de destaque
EM MARINGÁ

Homem de 46 anos morre ao ser atingido por pacote de ração

Imagem de destaque
SELEÇÃO

Educação divulga chamada complementar das últimas vagas do Ganhando o Mundo

Imagem de destaque
EM CHÁCARA

Polícia Militar desmantela estufa de maconha em Campina Grande do Sul

Imagem de destaque
RECORDE

Jogos oficiais do Estado registram 108,6 mil participantes no 1º semestre


“O Paraná se consolida como o estado mais inovador do Brasil, fruto de um ambiente que usa a tecnologia para prestar serviços que atendem a população”, disse o governador. “Hoje firmamos uma parceria com o Google para utilizar ferramentas de IA levando em consideração as nossas especificidades em diferentes áreas, para que possamos agilizar a entrega de serviços de qualidade aos paranaenses”.


De acordo com o secretário estadual do Planejamento, Guto Silva, o olhar para a IA no serviço público irá seguir todas as premissas da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). “A inteligência artificial já é uma realidade, e com muita cautela, solidez e cuidando dos dados dos cidadãos, vamos poder utilizar uma série de ferramentas que vai aperfeiçoar muito a administração pública”, afirmou. Segundo o ele, as ferramentas irão potencializar a atuação dos servidores estaduais.


O presidente do Google Cloud na América Latina, Eduardo Lopes, disse que o Paraná poderá utilizar as ferramentas da Inteligência Artificial Generativa para melhorar os serviços prestados. “Fomos desafiados pelo governador Ratinho Junior e já começamos a pensar em como poderíamos ajudar a impactar positivamente os paranaenses. A Inteligência Artificial Generativa utiliza algoritmos sofisticados para criar conteúdo original e personalizado, melhorar a eficiência operacional e proporcionar serviços mais eficazes aos cidadãos”, explicou.


A parceria com a Google Cloud também será levada às universidades estaduais com o objetivo de capacitar jovens estudantes nas ferramentas de Inteligência Artificial.


Entre as possibilidades do uso da IA Generativa no Paraná, está a automatização de processos, por exemplo, na área da Segurança Pública com o processamento automático de Boletins de Ocorrência, via ferramenta de IA priorizando casos críticos e a capacidade de lidar com um alto volume de documentos. Os principais projetos serão detalhados nos próximos meses, a partir da análise da Assembleia Legislativa.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá