Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel
Londrina
Cascavel

Guardas municipais reprovados em teste psicológico vão passar por nova avaliação

29/12/17 às 12:08 - Escrito por Redação Tarobá News

Desde fevereiro de 2016, os agentes da Guarda Municipal estão autorizados a portar armas de fogo. Mas para isso, eles devem passar por um teste psicológico, realizado a cada dois anos. "É um psicotécnico bem rigoroso, que é aplicado por uma psicóloga credenciada com a Polícia Federal", explicou Evaristo Kuceki, secretário da Defesa Social.

O teste é aplicado em um dia e inclui diversas provas. Os agentes têm um tempo pré-determinado para responder as questões, que vão desde teste de memória até a avaliação palográfica. No último exame realizado em novembro, por aproximadamente 315 agentes, cerca de 10% ou 29 guardas foram reprovados. Número considerado razoável pelo secretário de Defesa Social. "Às vezes o que atrapalha nem é a saúde psicológica e sim, um estresse momentâneo, uma noite mal dormida", afirmou Evaristo. 

Atualmente, a Guarda Municipal conta com 354 agentes. Cerca de 40 estão afastados por problemas psicológicos e outros 40 cumprem funções administrativas. Nas ruas são 270 guardas trabalhando e o exame é fundamental para garantir profissionais mais preparados e equilibrados. "Essa manutenção é importante para manter o bom profisisonalismo. Assim como o porte é renovado, é necessário manter a qualidade de serviço", relatou o GM Daniel Sakama. 

(Reportggem: Larissa Trevisan)

© Copyright 2022 Grupo Tarobá