Londrina
Cascavel

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

MPPR denuncia investigados por ataque à empresa de valores em Guarapuava

27/07/22 às 17:17 - Escrito por Assessoria

O Ministério Público do Paraná apresentou nesta terça-feira, 26 de julho, denúncia criminal contra dois dos investigados pelo envolvimento na invasão – na modalidade “domínio de cidades” – de um grupo de aproximadamente 40 criminosos em Guarapuava, no Centro-Sul do estado, no dia 17 de abril. O grupo tinha o objetivo de assaltar uma empresa de valores.


Na denúncia, são imputados os crimes de latrocínio (com quatro circunstâncias judiciais desfavoráveis e duas agravantes), porte de armas de uso restrito, sequestros (oito), incêndios (cinco) e dano ao patrimônio público. Os denunciados estão presos.


Invasão

Na ocasião, parte dos criminosos atacou o 16º Batalhão de Polícia Militar, incendiando caminhões no acesso ao quartel e fazendo disparos de fuzil contra os policiais militares, o prédio e uma viatura. Um militar morreu e outro foi ferido gravemente. Para interditar o 16º BPM, impedir a chegada de reforços policiais e facilitar a fuga, os criminosos incendiaram seis veículos.


Outra parte do grupo dirigiu-se à empresa de valores localizada em outro bairro da cidade, sequestrando transeuntes para usá-los como escudo durante a ação. Um dos reféns foi atingido por um tiro disparado pelos criminosos. A empresa e as residências vizinhas receberam centenas de disparos de arma de fogo. Os assaltantes usaram explosivos na tentativa frustrada de acessar os valores guardados no cofre da empresa.


Apesar dos artifícios utilizados pelos criminosos, os policiais conseguiram confrontá-los durante suas fugas, alvejando os veículos do bando, todos blindados, e perseguindo-os, o que causou o capotamento de alguns dos veículos usados por eles. Foram apreendidos sete fuzis, inclusive de calibre .50, de uso restrito.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá