Prefeito de Londrina assina projetos de lei permitindo uso de terrenos a paróquias

Redação Tarobá News
Paraná | Publicado em 08/06/2017 às 09:23

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, assinou na quarta-feira (7) três Projetos de Lei que serão encaminhados à Câmara Municipal, com o objetivo de possibilitar que o Executivo obtenha concessão legislativa para desafetar, de uso comum do povo, áreas de terras  à Mitra Arquidiocesana de Londrina. Tratam-se de imóveis, de propriedade do Município, localizados no Jardim Piza (região sul), Parque Ouro Verde (região norte) e Jardim Maria Lúcia (região oeste).

Caso os projetos sejam aprovados na Câmara, as áreas poderão ser utilizadas para a construção e melhorias de espaços de paróquias dessas regiões de Londrina. Na ocasião, Marcelo também assinou um Termo de Permissão de Uso de Bem Público, celebrado entre o Município de Londrina e a Associação Voluntária Mãe da Esperança, localizada no Conjunto Semíramis Braga, na região norte.

Marcelo enfatizou que os projetos de lei vão ao encontro com o trabalho de desburocratização e também com as providências que a Prefeitura de Londrina vem colocando em prática para viabilizar o destravamento de vários setores da cidade e promover a retomada do seu crescimento. “Fizemos  um diagnóstico amplo para detectar os problemas e processos pendentes existentes hoje em todos os setores da administração. O objetivo é trazer um novo ordenamento para Londrina, visando seu desenvolvimento pleno, de forma transparente e junto com a comunidade”, frisou.

O prefeito agradeceu a presença de todas as lideranças religiosas no momento da assinatura, e enalteceu o trabalho desenvolvido pelas igrejas e instituições da cidade. “Todos nós sabemos que as igrejas desenvolvem um trabalho social fantástico, principalmente junto aos mais necessitados, e daremos todos os encaminhamentos e o suporte necessário para que essas instituições possam dar sequência a essa atuação tão importante para Londrina”, destacou.

A Paróquia Cristo Redentor, no Jardim Piza, é uma das instituições que busca a concessão de uso de um terreno do Município, para poder desenvolver melhorias em um espaço localizado no fundo de sua sede. “Precisamos desse respaldo para continuar fazendo nossos projetos, servir melhor a comunidade e realizar atividades que vão beneficiar a população. Já faz 10 anos que a paróquia vem tentando conseguir essa permissão e, agora, a expectativa é poder iniciar as melhorias no espaço que temos para continuar contribuindo não somente nos projetos pastorais, mas também em ações sociais”, comentou o padre Marcelo Cruz, que está à frente da paróquia há mais de um ano.

Diversas lideranças religiosas de paróquias e instituições que atuam no município, além dos vereadores Vilson Bittencourt, Amauri Cardoso e Péricles Deliberador, marcaram presença no encontro, realizado no gabinete do prefeito.

(N.Com)



Relacionados

Londrina | 17-01-2019 09:10

Presidente defende trabalho conjunto com a Copel para salvar Sercomtel

Presidente defende trabalho conjunto com a Copel para salvar Sercomtel

Paraná | 17-01-2019 08:53

Ter um veículo no Paraná vai pesar menos no bolso

Ter um veículo no Paraná vai pesar menos no bolso

Guaratuba | 17-01-2019 07:52

Ventos de até 87 km/h assustam veranistas e provocam estragos no Litoral do Paraná

Ventos de até 87 km/h assustam veranistas e provocam estragos no Litoral do Paraná

Londrina | 17-01-2019 07:39

Confira os mais recentes falecimentos em Londrina e região

Confira os mais recentes falecimentos em Londrina e região