Associação da GM rebate denúncia de agressões na área rural

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 16/05/2018 às 13:16

A Associação da Guarda Municipal rebateu a denúncia feita por moradores de Rio do Salto na Delegacia de Polícia Civil. Três pessoas foram até à 15ª e registram o boletim de ocorrência por agressão contra as equipes. Ainda de acordo com os advogados as abordagens são truculentas e humilhantes. 

Outras pessoas também teriam sido agredidas, mas não registraram a ocorrência por medo de represálias. 

Por outro lado, o presidente da Associação, Valter Pagliosa, rebateu às críticas e diz que a denúncia é infundada. 

Veja a nota na íntegra:

"A Associação dos Guardas Municipais de Cascavel vem a público se pronunciar representando os guardas municipais associados,supracitados na imprensa. Na denuncia questiona-se que guardas municipais estão supostamente cometendo abusos em abordagens realizadas pela Força Rural no distrito de Juvinópolis e Rio do Salto, também que estão fazendo toque de recolher com moradores da região.

Sobre s fatos levantados entende-se que são denuncias totalmente vazias,sem fundamento e sem conhecimento técnico, uma vez que as abordagens dos guardas  são realizadas apenas com fortes indícios de fundada suspeita, que se agrega em vários fatos visuais e psicológicos do indivíduo a partir do momento em que entra na visão da guarnição,a qual foi treinada para esse tipo de ocorrência e que mantém um protocolo de ação congruente em cada abordagem, também acontece a bordagens quando há alguma denuncia de terceiros informando que algum possível crime pode estar a acontecer ou acontecendo, o que motivou a abordagem neste caso especifico, também vale a pena ressaltar que os indivíduos desta referida denuncia poderiam apresentar suas fichas policias para que a população assim também tirasse suas duvidas sobre á vida pregressa dos mesmos e formasse suas conclusões sobre os trabalhos de abordagens da guarnição.

Diante destes fatos esta organização repudia qual quer abuso de autoridade ou ação ilegal por parte de qualquer agente de segurança,incluindo os próprios guardas e apóia qualquer investigação,porem, não foi o que aconteceu nesta situação. Para finalizar informamos que a população de bem daquele local não só apóia os trabalhos da Força Rural como manifestaram apoio incondicional aos guardas, tamanha manifestação está sendo apresentada pela Associação de Moradores daquele local através de um abaixo assinado em apoio à manutenção da guarnição no distrito e ainda parabenizando os guardas pelo bom trabalho realizado e pela educação com os moradores. "



Relacionados

Ubiratã | 23-05-2018 13:38

Suspeitos de morte de vice-prefeito em Ubiratã são levados à Delegacia

Suspeitos de morte de vice-prefeito em Ubiratã são levados à Delegacia

Cascavel | 23-05-2018 11:15

Polícia recupera cheques roubados de garagem de veículos

Polícia recupera cheques roubados de garagem de veículos

Foz do Iguaçu | 23-05-2018 09:05

Operação Laranja da Polícia Federal cumpre mandados de prisão

Operação Laranja da Polícia Federal cumpre mandados de prisão

Toledo | 23-05-2018 09:05

Polícia divulga retrato falado de suspeitos de estupro

Polícia divulga retrato falado de suspeitos de estupro

PUBLICIDADE