Avó de bebê encontrado morto em Porecatu é autorizada a deixar a cadeia

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 26/10/2019 às 18:18

Imagem: reprodução

Michelle Penteado Rodrigues de 39 anos, avó do bebê de um ano e sete meses encontrado morto em Porecatu, obteve autorização judicial para deixar a cadeia, onde estava desde maio deste ano. 

LEIA MAIS:

A suspeita é que a criança tivesse um quadro grave de virose. O bebê não teria sido encaminhado ao Pronto Socorro e nem sido medicado de forma correta. Ele estava aos cuidados da avó porque a mãe, então com 17 anos, morava fora da cidade.  

Com a decisão judicial, a mulher deverá ser internada no Complexo Psiquiátrico em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba. Laudos apresentados pela defesa indicam que ela tem depressão e transtorno bipolar. 

A avó Michele Penteado Rodrigues e o pai dela, Humberto Eustáquio Rodrigues de 69 anos, foram indiciados por homicídio qualificado. A mãe da vítima responde por ato infracional equiparado a homicídio, já que era menor de idade. 



Relacionados

Cascavel | 09-12-2019 11:18

Jovem é preso com 120 kg de maconha

Jovem é preso com 120 kg de maconha

Uraí | 09-12-2019 10:02

Paredes de madeira de capela são levadas por bandidos

Paredes de madeira de capela são levadas por bandidos

Curitiba | 09-12-2019 09:28

Jovem que estava em bar é chamado e assassinado a tiros

Jovem que estava em bar é chamado e assassinado a tiros

Campo Largo | 09-12-2019 09:26

Homem que pode ter sido baleado instantes antes, morre atropelado

Homem que pode ter sido baleado instantes antes, morre atropelado

PUBLICIDADE