Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Corpo é encontrado sem cabeça e órgãos genitais

20/07/18 às 11:23 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

Mais um caso de homicídio em que a vítima foi decapitada mobiliza as polícias Militar e Civil nesta semana na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Desta vez, um corpo foi encontrado no Bairro Botafogo 1ª Seção, em Ribeirão das Neves. 

A PM foi chamada às 7h47. A vítima foi encontrada em um lote vago na Rua Andaraí. Conforme militares do 40º Batalhão, além da cabeça, os órgãos genitais do homem foram arrancados. A vítima ainda não foi identificada. Por volta das 10h15, a perícia ainda trabalhava no local, que fica próximo a um campo de futebol. 

Na última terça-feira, um homem foi encontrado morto no Bairro Jardim das Alterosas 2ª Seção, em Betim, na Grande BH. A vítima foi identificada como Wanderson de Souza Ribeiro, de 34 anos. Por volta das 6h30, os moradores, assustados, acionaram a PM. O cadáver estava próximo ao cruzamento das ruas Espada de São Jorge e Flor de Papagaio, com as calças abaixadas até o pé. 

Leia mais:

Imagem de destaque
CONFRONTO

Cinco homens são mortos em confronto com a Polícia Militar em Cascavel

Imagem de destaque
POLICIAL

Polícia Civil cumpre mandado de prisão por homicídio no bairro Santa Felicidade

Imagem de destaque
MAUÁ DA SERRA

PRF apreende quase 50 quilos de cocaína com casal no Paraná

Imagem de destaque
VIOLÊNCIA

Jovem é morto a tiros no meio da rua no Sanga Funda

Um rastro de sangue na calçada levou até uma casa, da Rua Espada de São Jorge, número 623. Os militares informaram que o imóvel estava vazio e com vestígios de sangue no portão. Os militares também encontraram vestígios de sangue em uma lixeira localizada próxima a uma residência. Nela, estava uma sacola de supermercado com uma cabeça humana dentro, encontrada pela perícia da Polícia Civil. 

Os peritos também vistoriaram a casa e encontraram grande quantidade de sangue em alguns cômodos, principalmente na cozinha. Segundo a PM, foram apreendidas três facas no local e uma calça jeans com manchas de sangue. Na garagem, foi localizado um carro com marcas de sangue na maçaneta, capô amassado e vestígios de galhos de árvores. O veículo foi removido. 

Horas depois do crime, um homem de 43 anos chegou a ser detido por guardas municipais na rodoviária de Betim. Ele levantou suspeitas por causa das roupas sujas de sangue. Porém, segundo a Polícia Civil, o homem foi encaminhado para a delegacia onde foi ouvido. Em seguida, foi liberado, pois não tinha elementos que o ligassem ao crime. Na quarta-feira, a corporação informou que identificou um suspeito do crime, mas o nome dele não foi divulgado. 

Leia mais em Estado de Minas


Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá