Linha 4

Publicidade

Fiscalização impede realização de evento com 400 pessoas em Londrina

Redação Tarobá News

Divulgação/Defesa Social

A Guarda Municipal (GM) de Londrina recebeu uma denúncia, no início da tarde de quinta-feira (25), informando que um buffet localizado na zona oeste da cidade estava programando um evento de pagode para as 20h. De acordo com o denunciante, os organizadores tinham a expectativa de receber cerca de 400 pessoas no local. O munícipe informou, ainda, que viu algumas pessoas descarregando equipamentos de som no estabelecimento.

Com o objetivo de prevenir a realização do show e assegurar o cumprimento das medidas de saúde e segurança, guardas municipais e fiscais da secretaria de Fazenda dirigiram-se imediatamente ao local. As equipes constataram que o estabelecimento possui alvará para funcionar como restaurante e bar de entretenimento, podendo atender, no máximo, 250 pessoas sentadas, observando o espaçamento entre as mesas. O local foi notificado a não realizar o evento programado.

De acordo com a inspetora em exercício, GM Francislaine, a cidade passa por um momento delicado no enfrentamento à pandemia e todos precisam se conscientizar. “Em conjunto com outros órgãos da administração pública, a Guarda Municipal tem o compromisso de atender os chamados da população e prevenir qualquer situação que coloque a sociedade em risco. Por isso, impedimos a realização desse evento irresponsável em um momento tão crítico de enfrentamento à Covid-19”, informou.

Outras ações  –  Durante a noite de quinta-feira (25), um bar localizado na zona oeste foi autuado e interditado por ter sido flagrado aberto fora do horário permitido, inclusive desrespeitando o distanciamento entre as mesas.

A Guarda Municipal também recebeu uma denúncia informando que um estabelecimento localizado na zona norte estava promovendo partidas de futebol com aglomeração de pessoas. As equipes de fiscalização foram até o local e constataram o fato. Cerca de 50 indivíduos foram flagrados em situação de aglomeração, sendo que alguns estavam sem máscaras. Os agentes lavraram um auto de infração e um auto de interdição em nome do responsável pelo local. Outras 11 pessoas também foram autuadas, em flagrante, por não estarem utilizando máscaras de proteção. 

Por volta da meia-noite, a central da GM recebeu uma denúncia de aglomeração de pessoas e perturbação do sossego após a vitória de um time de futebol, em uma avenida da região central da cidade. Os guardas foram até o local e flagraram cerca de 80 indivíduos, sendo que a maioria se dispersou no momento da chegada da equipe. Um homem foi flagrado sem máscara e, ao ser abordado pelos agentes, debochou da fiscalização, além de ter proferido insultos. Ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a delegacia de plantão, sendo enquadrado pelos crimes de desacato e de atentado contra a saúde pública.

Denúncias  –  As equipes da GM prosseguem com o trabalho de fiscalização preventiva, de forma intensificada, em toda a cidade. A população pode fazer denúncias para a Central da GM, pelo telefone 153, ou para a Defesa Civil, por meio do telefone 199 ou do número de WhatsApp (43) 99995-0272. A Defesa Social reforça que quem for flagrado descumprindo as medidas estabelecidas pelos decretos municipais poderá responder criminalmente pelo ato.

Com N.Com

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade