Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Guarda Municipal amplia atuação nas escolas e detalha novas ações

30/06/23 às 13:59 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

A Secretaria de Defesa Social detalhou, nesta sexta (30), como está o trabalho da Guarda Municipal (GM) nas escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs).


Várias medidas estão sendo tomadas para reforçar a segurança.


Desde o mês de abril, a GM tem reforçado o patrulhamento em toda a Rede Municipal de Ensino. A ação é uma resposta aos ataques em um colégio no estado de São Paulo e a uma creche em Blumenau.

Leia mais:

Imagem de destaque
CONFRONTO

Cinco homens são mortos em confronto com a Polícia Militar em Cascavel

Imagem de destaque
POLICIAL

Polícia Civil cumpre mandado de prisão por homicídio no bairro Santa Felicidade

Imagem de destaque
MAUÁ DA SERRA

PRF apreende quase 50 quilos de cocaína com casal no Paraná

Imagem de destaque
VIOLÊNCIA

Jovem é morto a tiros no meio da rua no Sanga Funda


Todos os dias, cerca de vinte viaturas se revezam e fazem a segurança na entrada e na saída, em cerca de 40 unidades escolares da cidade. Segundo o Secretário de Defesa Social, o trabalho será realizado de forma permanente no município:


“Atualmente, nós revezamos o serviço da GM para que a sensação de segurança possa chegar em todas as escolas do município ao mesmo” reforça o Coronel Pedro Ramos.


A GM estuda, ainda, outra medida para otimizar o patrulhamento. Essa, se dará enquanto as aulas estiverem ocorrendo e não apenas nos horários de entrada e saída dos alunos.


Tal medida não tem data para ser aplicada e será discutida com a comunidade escolar.


Coronel Pedro Ramos comenta também que “o que temos ajustado com a Secretaria de Educação, no sentido de trazer mais tranquilidade à população, é que horários de atendimento ao público, fora do horário convencional, seja feito com presença da patrulha”.


Na semana passada, a Câmara de Vereadores de Londrina aprovou o projeto de lei que determina a presença de pelo menos um agente da GM em todas as escolas municipais e CMEIs.


O secretário de Defesa Social, no entanto, defendeu que os agentes devem ficar no portão das escolas e que o ambiente escolar é o espaço dos profissionais de educação.


Londrina tem 127 unidades escolares na rede municipal. A GM, que tem trezentos agentes no quadro de funcionários, deveria ter pelo menos 1000, segundo projeções.


A expectativa é de que para agosto, sessenta agentes que passaram em concurso, e pela escola de formação da Guarda, entrem em atividade nas ruas de Londrina. 

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá