Linha 4

Publicidade

Lojas do centro de Londrina são interditadas por não respeitar o lockdown

Da Redação

A Polícia Militar realiza na tarde desta sexta-feira (5) mais uma fase da segunda Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU). O trabalho ainda conta com a presença da Guarda Municipal (GM) e de fiscais da Prefeitura de Londrina. As forças de segurança estão no Calçadão de Londrina. 

Uma loja de departamentos foi interditada por infringir o decreto estadual que determinou o fechamento das atividades não essenciais no Paraná. O estabelecimento não recebeu multa e terá que manter a interdição até o final dos decretos. Assista! 

Foram realizadas três operações nesta semana, sendo três estabelecimentos fechados na segunda-feira (1º), quatro na quarta-feira (3) e dois nesta sexta. "Todas que foram interditadas, são por descumprimento, seja por extrapolar o horário ou por não ser atividade essencial conforme elencado no decreto estadual", afirmou o tenente Ciniciato, do 5º Batalhão da PM. 

Em todos os casos foram lavrados termos de auto de interdição. "Estamos com equipes paralelas fiscalizando locais que foram interditados e uma das proprietárias foi encaminhada por descumprir a ordem de interdição", disse. A mulher é dona de um bar no conjunto Semiramis, na zona norte de Londrina. 

A reportagem da Tarobá acompanha a fiscalização e em breve teremos mais informações.

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade