Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

Marido é suspeito pela morte de advogada em Guarapuava

23/07/18 às 12:14 - Escrito por Redação Tarobá News

A Polícia Civil investiga um caso suspeito de feminicídio em Guarapuava, na região centro-sul do Estado. O corpo da advogada Tatiane Spitzner, de 29 anos, foi encontrado dentro do próprio apartamento, na madrugada de domingo. O principal suspeito pela morte é o marido dela, o médico Luis Felipe Manvailer, de 32 anos.

Ele está preso em flagrante. Segundo a Polícia Militar, as equipes foram acionadas por volta das 2h30 da manhã de domingo, por vizinhos do casal que ouviram gritos e uma discussão dentro do apartamento. Testemunhas afirmam que a mulher caiu do 4º andar do prédio e foi recolhida pelo marido, que a levou de volta para dentro do apartamento.

Em seguida, ele fugiu no carro da advogada. As equipes encontraram o rastro de sangue em direção ao apartamento e precisaram arrombar a porta para entrar no local. A mulher já estava sem vida quando os policiais conseguiram entrar. O marido dela foi detido por volta das 6h30, após capotar o carro na rodovia BR-277, em São Miguel do Iguaçu, a 340 quilômetros de Guarapuava. Ele foi preso em flagrante e deve ter a prisão convertida em preventiva. O advogado de Manvailer, Claudio Dalledone, afirma que ainda não tem muitos detalhes sobre o caso.

Manvailer está detido na Delegacia de São Miguel do Iguaçu e existe a expectativa de transferência para Guarapuava. Além da suspeita de feminicídio, o homem também pode responder pelo furto do carro da advogada. O veículo foi apreendido e levado para o pátio da Polícia Rodoviária Federal. O corpo da advogada foi velado na Capela Santa Cruz e foi sepultado no fim da manhã de hoje (23).

Leia mais em Band News FM

© Copyright 2022 Grupo Tarobá