Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Nucria conclui que não houve venda de bebê desaparecido em Londrina

17/01/18 às 21:38 - Escrito por Redação Tarobá News

O Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria) ouviu nesta quarta-feira (17) os dois irmãos do bebê supostamente desaparecido no início do mês em Londrina e encontrado em Cambé. Para o Nucria, o caso está encerrado e não houve venda da criança.

A delegada Lívia Pini acredita que houve um mal-entendido e não um crime propriamente dito, já que não foi constatada a venda do bebê.

Ela chegou a essa conclusão depois de ouvir vários depoimentos: da família de Cambé, de outras pessoas envolvidas, do Conselho Tutelar e das crianças, na tarde dessa quarta feira (17). Os irmãos de 8 e 4 anos estavam acompanhados da psicóloga do abrigo.

Após dois dias de buscas, no dia 4 de janeiro, o bebê foi encontrado em Cambé, na casa de uma família amiga da mãe. A cuidadora tinha denunciado a venda do menino. Lá estavam também os 2 irmãos mais velhos, que brincavam com outras crianças.

Ao saber que os três seriam levados pelo Conselho Tutelar, houve choro e indignação. Como a mãe acabou sendo presa por outro crime e sem outro responsável legal, as crianças foram encaminhadas para um abrigo em Londrina.

Se o Ministério Público não pedir nova diligência, o caso será arquivado no âmbito criminal. Já a guarda e o destino das crianças seguem indefinidos.

(Reportagem: Luciane Miyazaki)

© Copyright 2022 Grupo Tarobá