Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

Operação Bazófia: Gaeco cumpre 19 mandados em Londrina e outros três municípios

01/07/22 às 11:00 - Escrito por Redação Tarobá News

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), em conjunto com a Polícia Militar, cumpre, nesta sexta-feira (1), 19 mandados de busca e apreensão contra associação criminosa investigada pelos crimes de tráfico de drogas, posse ilegal de armamento de uso restrito e lavagem de dinheiro. Desses mandados, 14 são cumpridos em Londrina.


A Operação Bazófia – em alusão à vaidade e ostentação de riqueza mantida pelos investigados – conta com o apoio do Exército Brasileiro, por meio do 30º Batalhão de Infantaria Mecanizado, e dos Núcleos Regionais dos Gaecos de Maringá e de Itajaí, do MP de Santa Catarina.


Além de Londrina, os mandados são cumpridos em endereços de Jandaia do Sul, Alvorada do Sul e Balneário Camboriú, em Santa Catarina, e buscam a apreensão de armas, munições, drogas, documentos e bens com indícios de origem ilícita.


As investigações tiveram início em abril deste ano, quando o Gaeco requereu judicialmente busca e apreensão em uma residência que, por ocasião de uma abordagem policial após denúncia anônima, houve tentativa de fuga do suposto morador. A partir das buscas realizadas no local, foram apreendidos uma pistola, munições de uso restrito, um veículo, anotações que evidenciam o envolvimento do grupo criminoso com o tráfico de drogas, além de documentos de imóveis, bens e valores.


No curso das apurações, foram identificados diversos endereços relacionados aos investigados, geralmente em nome de terceiros, bem como pessoas que ajudariam o grupo a ocultar bens e valores. Os alvos dos mandados judiciais também ostentam grande quantidade de imóveis e veículos de luxo, adquiridos em pouco tempo, revelando possível origem ilícita do patrimônio. Além disso, os principais envolvidos no caso já possuem extensa ficha criminal por crimes de tráfico de drogas e contra o patrimônio, além de serem suspeitos de envolvimento em crimes contra a vida.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá