PC suspeita que arma usada em roubo seja mesma que matou criança em Apucarana

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 03/03/2020 às 11:17

Foto: TNOnline

A arma usada na morte do menino Luiz Gustavo da Silva, de 11 anos, no dia 18 de fevereiro em Apucarana pode ter sido a mesma usada em um assalto dias depois na cidade. Um homem preso nesta segunda-feira (02), por envolvimento em um assalto, estaria com a arma. A informação foi passada pelo delegado Marcus Felipe, de Apucarana,

Segundo o delegado, após o incidente na casa do adolescente no residencial Solo Sagrado, o suspeito teria entrado na residência e pegado a arma. "Esse homem que prendemos por envolvimento no assalto que aconteceu na madrugada de segunda, teria entrado na casa com um outro rapaz e teria pegado a arma que o adolescente deixou na residência. Estamos investigado essa relação" explica Marcus Felipe.

Conforme o delegado, a arma foi usada também para praticar um assalto na cidade, no começo de fevereiro. "Esse suspeito já estava com um mandado de prisão em aberto por roubo em uma farmácia. Essa arma usada para o roubo possivelmente pode ser a mesma arma que causou a morte da criança de 11 anos, lá no Solo Sagrado. Esse suspeito também mora lá," detalha.

Ainda de acordo com o delegado, o suspeito e o homem preso pela Polícia Militar (PM) estariam envolvidos no assalto na casa da Vila São José, e em pelo menos outros três crimes.

"Dois dos três autores do roubo que aconteceu na madrugada de segunda foram presos pelos policiais militares e civis. Um já foi devidamente reconhecido pelas vítimas. Eles podem estar envolvidos em um assalto que aconteceu no final de semana, contra a casa de um ex-PM, um dele tem a participação no assalto da farmácia. Acreditamos que existem mais uns dois homens que precisam ser presos, pelo envolvimento nos crimes. Esses roubos que estão acontecendo, tanto a civil quanto a militar acreditamos que é o mesmo grupo, eles que estavam aterrorizando Apucarana. Vamos continuar investigado e trabalhar para localizar a armas," finaliza o delegado.

(com informações de TNOnline)



Relacionados

Londrina | 14-07-2020 14:12

Câmera flagra mulher sendo violentamente espancada em Londrina

Câmera flagra mulher sendo violentamente espancada em Londrina

Guaíra | 14-07-2020 14:04

PRF apreende R$ 100 mil em iPhones no Paraná

PRF apreende R$ 100 mil em iPhones no Paraná

Londrina | 14-07-2020 11:07

Açougueiro que matou ex-mulher presta novo depoimento

Açougueiro que matou ex-mulher presta novo depoimento

Londrina | 14-07-2020 10:39

Nucria pede ajuda para localizar foragido por estupro de vulnerável

Nucria pede ajuda para localizar foragido por estupro de vulnerável