Polícia confirma que Sophia foi espancada antes de morrer

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 24/06/2019 às 13:02

A Polícia Civil de Arapongas falou hoje (24) sobre o inquérito que apura a morte da pequena Sophia em Arapongas. A menina de 1 ano e 1 mês teria sido morta após sofrer agressões do próprio pai. 

Está claro para a polícia que a morte de Sophia, 1 ano e dois meses, foi causada por espancamento e estupro. A menina chegou morta à UPA de Arapongas, por volta das 8 da noite de terça passada. Segundo a perícia, a morte havia acontecido duas horas antes da prestação de socorro.

O pai de Sophia, principal suspeito do crime, disse que a criança se afogou com leite, mas os médicos descartaram essa possibilidade. Roger da silva ribeiro já havia sido condenado por tráfico drogas. Ele estava foragido. Acabou preso pela morte da filha.

Depois foram presas também Eduarda da Silva Bernardo, mãe da criança, e a avó, Maria Aparecida da Silva. Segundo a polícia, as duas foram coniventes com os crimes de estupro e homicídio qualificado, já que a menina não tinha como se defender.

O casal tem outras duas filhas, a mais velha de 4 anos e um bebê recém-nascido. As crianças foram encaminhadas para um abrigo. Na cadeia, a mãe e a avó teriam confessado presenciar os abusos depois de serem torturadas por outras presas. Mas essa informação não tem validade jurídica. Os três suspeitos foram transferidos para outras cadeias.


Reportagem Lívia de Oliveira



Relacionados

Ponta Grossa | 21-02-2020 08:33

Homem é morto a pauladas pelo cunhado em Ponta Grossa

Homem é morto a pauladas pelo cunhado em Ponta Grossa

Telêmaco Borba | 21-02-2020 08:29

Quadrilha aterroriza Telêmaco Borba em assalto a banco

Quadrilha aterroriza Telêmaco Borba em assalto a banco

Santa Tereza do Oeste | 21-02-2020 08:27

PRF apreende cigarros contrabandeados e recupera veículo roubado

PRF apreende cigarros contrabandeados e recupera veículo roubado

Curitiba | 21-02-2020 08:24

Suspeitos de assalto contra motorista de App são espancados

Suspeitos de assalto contra motorista de App são espancados

PUBLICIDADE