Polícia prende enteado de suspeito de matar ex-companheira e esclarece caso na RMC

Redação Tarobá News
Policial | Publicado em 26/03/2020 às 20:41

Foto: Banda B

Um crime de feminicídio que teve como vítima Joseane Aparecida da Silva, de 44 anos, neste mês, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), foi esclarecido pela Polícia Civil do Paraná (PCPR). O comparsa do suspeito de executar o crime, um jovem de 21 anos, foi preso na tarde de quarta-feira (25), no bairro Boa Vista II, em Campo Magro, também na RMC.

Conforme apurado, o principal suspeito pela morte de Joseane é o ex-companheiro, de 43 anos. Ele foi preso no último dia 17 – um dia após o corpo da vítima ter sido encontrado em um matagal – em razão de um mandado de prisão em aberto por outro feminicídio.

De acordo com a delegada Lucy Santiago, o suspeito já tinha um histórico de ataques a ex-companheiras. “Após investigações, soubemos que esse indivíduo estava foragido e já tinha atentado contra a vida de duas ex-companheiras, inclusive uma delas teria morrido. Descobrimos também que ele seria o suposto autor do crime, mas que não teria agido sozinho e sim na companhia de seu enteado”, afirmou ela.

O enteado seria um rapaz de 21 anos, filho de uma ex-companheira do suposto autor. O jovem confessou o crime na delegacia. Em depoimento, ele disse que ambos teriam premeditado a morte de Joseane, pois o casal tinha muitas desavenças.

Fonte: Banda B



Relacionados

Curitiba | 04-04-2020 08:50

Corpo de jovem que estava desaparecido há uma semana é encontrado

Corpo de jovem que estava desaparecido há uma semana é encontrado

Cascavel | 03-04-2020 13:30

Idoso que teve bicicleta furtada faz desenho e pede ajuda para encontrá-la

Idoso que teve bicicleta furtada faz desenho e pede ajuda para encontrá-la

Cascavel | 03-04-2020 11:13

Seis pessoas são detidas em flagrante durante operação policial em Cascavel

Seis pessoas são detidas em flagrante durante operação policial em Cascavel

Goioerê | 03-04-2020 07:13

Homem é preso com carga de skunk avaliada em R$ 2 milhões no Paraná

Homem é preso com carga de skunk avaliada em R$ 2 milhões no Paraná