Londrina
Cascavel

TV Tarobá

Tarobá FM

  • Londrina
  • Cascavel

Polícia vai ouvir familiares da investigadora que matou filho e se suicidou em Cambé

10/07/18 às 17:55 - Escrito por Redação Tarobá News

A Polícia Civil de Cambé vai começar a ouvir os familiares da investigadora Dolores Mileide de Souza de 35 anos, que matou o filho de quatro anos e se matou dentro da residência dela em Cambé. Também será ouvido o ex-marido de Dolores, acusado por ela de ser o causador da tragédia. 

LEIA MAIS:

Nesta quarta-feira está marcado o depoimento do irmão da investigadora, que localizou os corpos. Na quinta-feira é a vez do depoimento do sobrinho dela, o último a ver Mileide com vida. Em seguida o delegado Roberto Fernandes planeja ouvir vizinhos, que poderiam ter ouvido os disparos. 

Para o delegado, no entanto, o caso já está elucidado. Falta descobrir se alguém incentivou a mulher a praticar suicídio, o que é considerado crime. Além disso, a carta que ela deixou passará por perícia, para confirmar que foi escrita pela investigadora.  

(Colaboração: Evandro Ribeiro)


© Copyright 2022 Grupo Tarobá