Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Prefeitura afasta guarda patrimonial suspeito de matar jovens no Reassentamento São Francisco

19/03/18 às 10:30 - Escrito por Redação Tarobá News
siga o Tarobá News no Google News!

O homem que confessou ter assassinado dois jovens neste fim de semana no Reassentamento São Francisco, em Cascavel, foi afastado de suas funções.

Osíris Tavares é guarda patrimonial da Prefeitura de Cascavel e disse que não estava em horário de trabalho quando desferiu golpes de faca em Edenilson Lamgembert Valões e Maycon Barros de Oliveira. Porém, mesmo assim, a prefeitura irá abrir um procedimento.


Confira a nota da Prefeitura

Leia mais:

Imagem de destaque
CONFRONTO

Cinco homens são mortos em confronto com a Polícia Militar em Cascavel

Imagem de destaque
POLICIAL

Polícia Civil cumpre mandado de prisão por homicídio no bairro Santa Felicidade

Imagem de destaque
MAUÁ DA SERRA

PRF apreende quase 50 quilos de cocaína com casal no Paraná

Imagem de destaque
VIOLÊNCIA

Jovem é morto a tiros no meio da rua no Sanga Funda

A Prefeitura de Cascavel, diante do fato registrado na comunidade rural São Francisco, no final de semana, onde houve participação confessa de um servidor público (guarda patrimonial) que não estava em horário de trabalho, vem esclarecer que:  *o servidor está automaticamente afastado de suas funções;  *o servidor terá os dias de falta descontados até que seja apresentado documento informando da sua reclusão; neste caso, havendo dependentes, estes receberão o "auxílio-reclusão" que será pago pelo IPMC; *o setor da Guarda Municipal/Patrimonial instalará processo administrativo através de sua corregedoria para apurar o envolvimento do servidor; *o caso também está sob investigação através de inquérito da Polícia Civil que trará conclusões que serão apresentadas à Justiça para a julgamento que também orientará as ações do Município.



Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá