Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Suspeito de abuso infantil de Rondônia é detido em Arapongas

18/05/22 às 16:46 - Escrito por Redação Tarobá News

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (18), a Operação Vigilant, que investiga crimes de estupro de vulnerável e produção de material pornográfico infanto-juvenil. Foi realizado em Arapongas o cumprimento de um mandado de busca e apreensão e de prisão de um suspeito, que residia em Pimenta Bueno, no estado de Rondônia. Os abusos teriam ocorrido na cidade do Norte do Brasil.

As investigações tiveram início no mês de abril deste ano, a partir de relatórios enviados pelo NCMEC (National Center for Missing and Exploited Children) à Polícia Federal de Rondônia. O NCMEC é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que recebeu apoio do Governo norte-americano para estabelecer um mecanismo de recebimento de “denúncias” sobre crimes de abuso sexual infantil e desaparecimento de crianças.

Com a denúncia, o Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Federal em Porto Velho conseguiu identificar o responsável pelos abusos sexuais cometidos. E a 1ª Vara Criminal da Comarca de Pimenta Bueno, da Justiça Estadual de Rondônia, expediu dois mandados em desfavor do suspeito. Os crimes eram registrados pelo próprio investigado.

Foram apreendidos dispositivos eletrônicos que podem ter sido utilizados para a prática dos crimes, que serão encaminhados para exames periciais a serem realizados pelo Setor Técnico-Científico da Polícia Federal. Após os procedimentos, o suspeito será encaminhado ao Presídio.

Na mesma residência do acusado, também foi efetuada a prisão de seu filho, que tinha um mandado expedido pela Vara Criminal de Pimenta Bueno/RO, por porte ilegal de arma de fogo.

A Operação, realizada com o apoio de agentes da Delegacia de Polícia Federal em Londrina, ocorre neste dia 18 de maio, que é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá