Linha 4

Publicidade

Vigilante suspeito de matar atendente se entrega ao BOPE

Redação Tarobá News

Foto: Polícia

O principal suspeito de ter matado o atendente de farmácia, Paulo Ricardo Colombo, de 30 anos, na madrugada desta quinta-feira, 24, na cidade de Nova Esperança (40 quilômetros de Maringá) se entregou aos policiais do BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais). 

Após cometer o crime, Fabio Lucredi, um vigilante bancário de 30 anos, fez a namorada e o pai dela refém. O suspeito reside no município de Atalaia-PR, e a princípio ele teria cometido o homicídio por motivação passional.

A vitima era colega da namorada do vigilante. Tomado pelo ciúme doentio, ele foi até a cidade vizinha e matou o rapaz. O suspeito teria surtado após ter visto uma mensagem no aparelho celular da namorada. 

Após libertar a namorada e o pai da moça, ele dizia que iria cometer o ato extremo (suicídio). O homicídio ocorreu por volta das 02h30 da madrugada. As 04h00 à polícia militar tomou conhecimento que o possível autor do crime, mantinha a família refém em Atalaia.

Com informações: Plantão Maringá 

COMENTÁRIOS

Publicidade