Adelino Ribeiro assumirá Sesop na segunda

Redação Tarobá News
Política | Publicado em 16/03/2019 às 14:16

Foto: Alep

O ex-deputado Adelino Ribeiro da Silva chegou a bom termo com o prefeito Leonaldo Paranhos e assumirá mesmo a Sesop (Secretaria de Serviços e Obras Públicas). Os dois bateram o martelo nesta sexta. Adelino participará da reunião do secretariado depois de amanhã e será apresentado aos colegas. Ele ainda não sabe se manterá a atual equipe de diretores ou promoverá trocas. É provável que Valmir Paquinha, Agnaldo Carvalho e Tião da Copel sejam remanejados. Desafios não faltam. A malha de asfalto tem muitos buracos, vários bairros estão sem iluminação e com galerias pluviais entupidas. Adelino sempre disse que ajudou na eleição e apoiará o prefeito até o fim. 

Por enquanto, certo é que manterá seu grupo na administração com José Carlos Cocão, no Território Cidadão; Nei Haveroth, secretário de Agricultura; além de garantir que fará a indicação do próximo presidente da Cohavel. Outra decisão a ser confirmada em breve é o ingresso desse time no PSC, sigla de Paranhos e da qual o alcaide não se afastará. Na Secretaria de Comunicação prosseguem as dúvidas. O bem cotado Leo Rigon poderá não assumir a pasta, por motivos particulares. No IPC, onde o interino Cletirio Feistler já disse que quer ser titular, o ex-secretário Ronald Drabick é possibilidade. Sua relação com Paranhos é próxima e o nome citado nos corredores do Paço.




Relacionados

Marechal Cândido Rondon | 19-03-2019 14:55

Vereadores reprovam reajuste dos próprios salários, do prefeito, vice e secretários

Vereadores reprovam reajuste dos próprios salários, do prefeito, vice e secretários

Foz do Iguaçu | 19-03-2019 12:55

Ex-vereador Doutor Brito é condenado a mais de 36 anos de prisão

Ex-vereador Doutor Brito é condenado a mais de 36 anos de prisão

Política | 19-03-2019 11:45

Prisão não tem fundamento, afirma advogado de Beto Richa

Prisão não tem fundamento, afirma advogado de Beto Richa

Política | 19-03-2019 11:20

Lorenzoni fala em 'paciência' e defende indicação política

Lorenzoni fala em 'paciência' e defende indicação política

PUBLICIDADE