Linha 4

Publicidade

Associação de magistrados sai em defesa juiz que indeferiu registro de Boca Aberta

Murilo Pajolla

Fábio Pozzebom/Agência Brasil

O presidente da Associação dos Magistrados do Paraná (Amapar), Geraldo Dutra de Andrade Neto, criticou em nota o candidato à prefeitura de Londrina Boca Aberta (Pros), que fez acusações contra o juiz da 41ª Zona Eleitoral de Londrina Mauricio Boer, responsável por indeferir seu pedido de registro de candidatura.

LEIA MAIS:

Justiça Eleitoral indefere pedido de registro de candidatura de Boca Aberta

“Associação dos Magistrados do Paraná repudia veementemente a conduta do candidato Emerson Miguel Petriv, conhecido como ‘Boca Aberta’, por ter realizado afirmações absolutamente falsas em relação ao referido magistrado”, lê-se no comunicado da Amapar.

Em redes sociais, Boca Aberta havia questionado a credibilidade do juiz, atribuindo a sentença a uma questão “pessoal”.

“Nos seus mais de 21 anos de magistratura nunca foi afastado da jurisdição ou sequer investigado por prática de qualquer tipo de infração disciplinar, tampouco jamais foi acusado de qualquer ato de corrupção”, rebateu em nota a Amapar.

Confira a nota na íntegra:

 A ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO PARANÁ – AMAPAR, entidade que congrega os magistrados em exercício e aposentados do Estado do Paraná, diante da divulgação de mensagens falsas a respeito do Dr. Maurício Boer, Juiz Eleitoral da 41a. Zona Eleitoral de Londrina, buscando restabelecer a verdade, prestar os seguintes esclarecimentos:

O Dr. Maurício Boer atua na Comarca de Londrina desde 2011, tendo passado pelas Comarcas de Ivaiporã, Manoel Ribas, Grandes Rios, Faxinal, São João do Ivaí, Barbosa Ferraz, Cândido de Abreu, Ortigueira e Marialva. Nos seus mais de 21 anos de magistratura nunca foi afastado da jurisdição ou sequer investigado por prática de qualquer tipo de infração disciplinar, tampouco jamais foi acusado de qualquer ato de corrupção.

Trata-se de magistrado sério, comprometido, com vasta experiência e conhecimento do direito. Também em razão desses atributos, mas não somente, conta com o respeito de todos os seus pares e da comunidade jurídica londrinense.

A tarefa do juiz é proferir decisões de acordo com a Constituição e as leis, concretizar a justiça no caso concreto. Aqueles que discordem do conteúdo da decisão, devem apresentar os recursos processuais cabíveis.

É lamentável, e em nada contribui para o aperfeiçoamento da democracia, a propagação de mensagens com ataques pessoais contra os juízes apenas em razão das decisões e sentenças por eles proferidas. A situação se torna ainda mais grave, quando esses ataques são feitos mediante divulgação, com má-fé, de informações evidentemente falsas e que atentam contra a honra do magistrado e da magistratura paranaense como um todo.

Assim, ao tempo em que a magistratura paranaense se solidariza com o Juiz Eleitoral Maurício Boer, a Associação dos Magistrados do Paraná repudia veementemente a conduta do candidato Emerson Miguel Petriv, conhecido como “Boca Aberta”, por ter realizado afirmações absolutamente falsas em relação ao referido magistrado.

Curitiba, 23 de outubro de 2020.

 Geraldo Dutra de Andrade Neto

Presidente da Associação dos Magistrados do Paraná - AMAPAR

COMENTÁRIOS

Publicidade