Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Bolsonaro defende 'pacto pelo Brasil' ao comentar atos pró-governo, diz porta-voz

27/05/19 às 19:20 - Escrito por Estadão Conteúdo
siga o Tarobá News no Google News!

Por meio do porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira, 27, que é necessário fazer um "pacto pelo País" e retribuir o "sentimento" da população expressado nas ruas durante as manifestações que ocorreram pelo Brasil no último domingo em apoio às reformas do governo Bolsonaro.

"Essa voz das ruas não pode ser ignorada, é hora de retribuirmos esse sentimento. O que devemos fazer agora é um pacto pelo Brasil, estamos todos no mesmo barco, e juntos podemos mudar esse País", disse o presidente, de acordo com o porta-voz.

As manifestações que ocorreram ontem no País defenderam a aprovação de pautas governistas, como a reforma da Previdência, a administrativa e o pacote anticrime do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Por outro lado, os atos também registraram muitas críticas ao Parlamento, especialmente aos membros do chamado 'Centrão' e ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Leia mais:

Imagem de destaque
SAIBA MAIS

TSE rejeita recurso de Cloara Pinheiro; defesa diz que decisão não afeta mandato

Imagem de destaque
ACUSADO DE XENOFOBIA

Câmara de Apucarana descarta cassação de Vereador

Imagem de destaque
ENTENDA

STF anula mais uma condenação de Moro contra André Vargas na Lava Jato

Imagem de destaque
ENTENDA

Terminal Rodoviário é novo ponto de votação para as eleições de 2024

Rêgo Barros também afirmou que Bolsonaro avalia que os "brasileiros foram às ruas de forma espontânea e pacífica" e que os atos foram "forte sinal de que a sociedade não perdeu as esperanças, e que seus anseios serão escutados pelos dirigentes do País".

Questionado sobre a quem Bolsonaro estava se referindo quando postou em suas redes sociais que os atos foram como um recado "para aqueles que teimam com velhas práticas de não deixar que o povo se liberte", o porta-voz apenas respondeu que Bolsonaro colocou "de forma clara importância das manifestações" em mostrar o sentido da sociedade sobre o avanço de "questões estruturais", completando que o presidente está otimista com as reformas, como a da Previdência.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá