Bolsonaro tem melhora clínica progressiva e recebe alta de semi-intensiva

Estadão Conteúdo
Política | Publicado em 11/02/2019 às 17:30

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Duas semanas após uma cirurgia para retirada da bolsa de colostomia, o presidente Jair Bolsonaro apresentou melhora "progressiva" e recebeu alta da terapia semi-intensiva do Hospital Albert Einsten, diz boletim médico divulgada pela instituição nesta segunda-feira, 11. Além disso, o presidente começou a se alimentar com uma "dieta leve" e foi suspensa a nutrição que recebia pela veia. Está mantido um suplemento nutricional.

Até então, Bolsonaro estava recebendo apenas alimentação cremosa. A evolução da dieta é uma das condições para alta do presidente. De acordo com o boletim, ele não apresenta dor ou febre e segue com melhora do quadro pulmonar após ter sido diagnosticado com pneumonia na semana passada.

"Estão sendo mantidas as medidas de prevenção de trombose venosa, realizados exercícios respiratórios, de fortalecimento muscular e períodos de caminhada fora do quarto. Por ordem médica, as visitas permanecem restritas", atesta o boletim. As visitas permanecem restritas, por ordem médica. Nesta segunda-feira, 11, Bolsonaro recebeu o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), para uma conversa de aproximadamente 20 minutos.



Relacionados

Política | 19-02-2019 17:05

No mundo real não existe nenhuma crise dentro do governo, diz Moro

No mundo real não existe nenhuma crise dentro do governo, diz Moro

Curitiba | 19-02-2019 16:27

Presidente da CCJ convoca audiência pública para debater aposentadoria de ex-governador

Presidente da CCJ convoca audiência pública para debater aposentadoria de ex-governador

Política | 19-02-2019 15:50

Marco Aurélio está analisando pedido para que apuração contra Onyx saia do STF

Marco Aurélio está analisando pedido para que apuração contra Onyx saia do STF

Política | 19-02-2019 15:35

É 'history', diz Mourão sobre Bebianno

É 'history', diz Mourão sobre Bebianno