Caso Damasceno: Mesa Diretora protocola parecer na Câmara

Ellen Santos
Política | Publicado em 15/03/2019 às 16:24

Nesta tarde (15), o presidente da Câmara de Vereadores, Alécio Espínola e o procurador jurídico do Legislativo, Rafael Salvatti, protocolaram o parecer sobre o caso do vereador Damasceno Junior.

O parlamentar é acusado de cobrar parte do salário dos assessores. Ele foi denunciado por uma servidora que foi exonerada após se recusar a fazer o pagamento.

A conduta de Damasceno é considerada grave e não comporta penalização branda. Conforme especulações, os cinco parlamentares investigadores estão propensos à aplicação da pena máxima e  não somente suspender Damasceno 180 dias,  sem remuneração.


Leia mais: Presidência se posiciona por debater cassação de vereador

Caso Damasceno: parecer é apresentado por procurador jurídico


ENVIE SUGESTÕES, NOTÍCIAS, FOTOS OU VÍDEOS PARA NÓS - ATRAVÉS DO WHATSAPP DO TAROBANEWS - 9.9147-1096.



Relacionados

Política | 24-05-2019 20:10

Justiça Eleitoral cancela título de 2,5 milhões de eleitores com irregularidades

Justiça Eleitoral cancela título de 2,5 milhões de eleitores com irregularidades

Política | 24-05-2019 18:10

Meu coração é pernambucano, diz Bolsonaro ao inaugurar residencial em Petrolina

Meu coração é pernambucano, diz Bolsonaro ao inaugurar residencial em Petrolina

Política | 24-05-2019 17:25

No Nordeste, Bolsonaro é alvo de crítica de governadores

No Nordeste, Bolsonaro é alvo de crítica de governadores

Foz do Iguaçu | 24-05-2019 17:17

TCE-PR nega recurso e mantém parecer desfavorável às contas de Foz em 2013

TCE-PR nega recurso e mantém parecer desfavorável às contas de Foz em 2013