Damasceno enfrentará rito de cassação

Redação Tarobá News
Política | Publicado em 17/03/2019 às 09:22

Os cinco integrantes da Comissão de Ética e Decoro se reunirão nesta segunda-feira(18), às 14hs, na Câmara de Cascavel, oficializando decisão de submeter o colega Damasceno Júnior ao rito que poderá resultar na cassação do mandato dele.

Levantamento feito pelo Portal Tarobá News revela que eles só aguardavam a manifestação da presidência do Legislativo,  protocolada na tarde da última sexta. Nela, o presidente Alécio Espínola diz que as denúncias são graves e também comportam processo de aplicação da pena máxima. 

O quinteto concordará por unanimidade. Segundo declarações na imprensa,  o relator Misael Júnior espera concluir seu trabalho até a próxima quinta-feira. O relato dele indicará aos outros quatro componentes que a possível perda de mandato deve seguir para discussão e votação dos 20 integrantes da Casa. Integram ainda a Comissão os vereadores Olavo Santos,  Pedro Sampaio, Josué Souza e Romulo Quintino.

Depois de aprovado na Comissão,  o relatório chegará à direção do Legislativo e será marcada sessão com pauta específica. Damasceno e advogados terão até duas horas na explanação da defesa. 

Os indicativos de bastidores apontam placar de 20 a 0 contra a permanência na função. O político responde acusação de embolsar parte do salário de assessores ameaçados de demissão se não pagassem pedágio. Ele nega a prática e se declara perseguido.



Relacionados

Política | 22-03-2019 17:45

Temer está triste e aborrecido, diz Mariz

Temer está triste e aborrecido, diz Mariz

Cascavel | 22-03-2019 17:43

Progressistas faz filiações, mas não quer Edgar Bueno

Progressistas faz filiações, mas não quer Edgar Bueno

Política | 22-03-2019 17:25

Coronel Lima também fica em silêncio

Coronel Lima também fica em silêncio

Política | 22-03-2019 17:20

Temer fica em silêncio em depoimento à Polícia Federal

Temer fica em silêncio em depoimento à Polícia Federal

PUBLICIDADE